Alexandra  Machado
Alexandra Machado 24 de junho de 2019 às 21:50

Bill Gates assumiu o seu maior erro de gestão

Bill Gates assumiu um dos erros na sua carreira de gestor. Na altura de revelar o maior erro a plateia que o ouvia - uma entrevista conduzida por Julia Hartz, cofundadora da Eventbrite, e que foi revelada pela TechCrunch - olhou para o mentor da Microsoft.

E qual foi, então, o seu maior erro de gestão? "O que levou a que a Microsoft não seja o que o Android é". E o que é que o Android, da Google, é? "É o 'standard' para as plataformas de telemóvel não-Apple", o que era, segundo Bill Gates, "algo natural para a Microsoft ganhar". O maior erro da Microsoft, que permitiu à Google desenvolver o Android e dominar, num custo de 400 mil milhões de dólares.

 

"O vencedor fica com tudo", acrescentou Bill Gates, que admitiu que esse valor seria transferido da "companhia G [Google] para a companhia M [Microsoft]". A empresa de Bill Gates falhou no seu sistema operativo para os telemóveis, o Windows, que acabaram por não ter o impacto que o sistema da Google teve e tem. Os telemóveis Windows já foram descontinuados.

 

A Microsoft é a mais valiosa cotada, com uma capitalização acima do bilião de dólares. Mas mesmo assim, Bill Gates conclui: "Somos uma companhia líder. Mas se tivéssemos acertado nessa, seriamos a companhia".

pub

Marketing Automation certified by E-GOI