Alexandra  Machado
Alexandra Machado 14 de maio de 2019 às 19:50

WhatsApp(en) Metro Bank?

A mentira tem perna curta, mas pode fazer estragos. Uma mensagem enviada a vários utilizadores do WhatsApp no fim de semana levou a uma corrida ao Metro Bank.

Ao receberem a informação de que este banco inglês poderia estar à beira da falência, os depositantes correram para os balcões da instituição para tentar levantar o seu dinheiro e o que tinham nos cofres. A mensagem, espalhada via WhatsApp, dizia que o banco poderia fechar ou entrar em falência, sem sequer mencionar que os depósitos têm um fundo de garantia.

 

A corrida a alguns balcões foi motivada pelos receios de que o banco já não abriria portas na segunda-feira seguinte.

 

O Metro Bank emitiu um desmentido, citado pelo Business Insider, dizendo que esses rumores não são verdadeiros e "reafirmamos aos nossos clientes que não há motivos para preocupações". Apesar do desmentido, as ações do banco, nessa segunda-feira, caíram 9%, agravando a queda anual de mais de 85%.

 

O banco abriu portas. Não fechou. Mas as ações continuam em queda. O rumor não era verdadeiro, mas a necessidade de capital do banco é. Em janeiro, a instituição anunciou que precisava de uma injeção depois de detetado um erro contabilístico.

 

E aí não foi via WhatsApp.

 

Jornalista

pub

Marketing Automation certified by E-GOI