Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bayer regista maior subida desde 2016 com ok dos EUA para a compra da Monsanto

As acções da Bayer chegaram a disparar 5,5% em bolsa, depois de também a Monsanto ter atingido máximos de quase quatro anos, em Nova Iorque.

Ina Fassbender/Reuters
Rita Faria afaria@negocios.pt 10 de Abril de 2018 às 10:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

As acções da Bayer estão a registar fortes ganhos na bolsa de Frankfurt, depois de o The Wall Street Journal ter noticiado que as autoridades norte-americanas deram luz verde à compra da Monsanto, colocando as duas empresas mais próximas da maior transacção de sempre da indústria de sementes e pesticidas.

 

Os títulos da Bayer ganham 4,57% para 97,70 dólares, depois de terem chegado a valorizar um máximo de 5,52% para 98,59 dólares. Esta variação representa a maior subida desde 9 de Novembro de 2016 e a cotação é a mais elevada desde 27 de Fevereiro.

 

A notícia foi avançada ontem após o fecho do mercado europeu, pelo que as acções da Monsanto ainda reagiram à boa nova. Em Nova Iorque, os títulos chegaram a disparar 7,59% para 126,80 dólares – o valor mas alto desde Julho de 2014 – tendo encerrado a sessão a ganhar 6,19% para 125,15 dólares.

 

O ‘ok’ do Departamento norte-americano de Justiça chegou assim menos de três semanas depois de a Comissão Europeia ter dado o seu aval ao negócio, a 21 de Março.

 

A Bayer e a Monsanto têm agora a aprovação de mais de dois terços das autoridades que têm de se pronunciar sobre a operação, estando mais próximas de concluir o mega negócio de 62,5 mil milhões de dólares.  

 

A norte-americana Monsanto é o maior fornecedor mundial de sementes, com a maioria das suas vendas a ter lugar nos Estados Unidos e na América Latina. A companhia também vende glisofato, o pesticida mais usado em todo o mundo para controlar ervas.

Já a alemã Bayer é o segundo maior fornecedor mundial de pesticidas, focado na Europa, sendo também um importante fornecedor global de sementes para diversas colheitas.

Ver comentários
Saber mais Monsanto Bayer Frankfurt bolsa acções Estados Unidos
Mais lidas
Outras Notícias