Trading Bolsa de Madrid dispara quase 40% após oferta da bolsa suíça

Bolsa de Madrid dispara quase 40% após oferta da bolsa suíça

As ações da bolsa de Madrid estão a disparar em bolsa, para máximos de 2015, numa altura em que há uma disputa pela sua aquisição. Euronext e bolsa suíça estão na corrida à compra desta gestora de uma praça bolsista.
Bolsa de Madrid dispara quase 40% após oferta da bolsa suíça
EPA
Sara Antunes 18 de novembro de 2019 às 11:17

A Bolsas y Mercados Españoles (BME) está a ser cobiçada por duas interessadas: a Euronext e o SIX Group. Este interesse está a provocar uma subida acentuada das ações da empresa que gere a bolsa de Madrid. Os títulos estão a subir 37,01% para 34,80 euros, tendo chegado a valorizar 39,76% para máximos de outubro de 2015.

 

A liquidez é elevada, tendo já trocado de mãos mais de cinco milhões de títulos, quando a média diária dos últimos seis meses é de apenas 184,2 mil ações.

 

Numa altura em que a Euronext já está em conversações para comprar a BME, a suíça SIX Group avançou com uma proposta de compra, de 34 euros por ação, o que corresponde a um prémio de quase 34% face ao valor de fecho das ações na sessão de sexta-feira (25,40 euros).

 

A Euronext confirmou esta manhã as negociações, ainda que não tenha apresentado qualquer proposta financeira pela BME.

 

A Euronext tem estado a comprar algumas bolsas, num movimento de consolidação. A empresa, liderada por Stephane Boujnah, garantiu este ano o controlo da bolsa de Oslo e no ano passado o Irish Stock Exchange. E no início deste mês assumiu o interesse na aquisição das bolsas de Madrid e Milão.

 

Atualmente a Euronext detém as bolsas de Lisboa, Amesterdão, Bruxelas, Dublin, Londres, Oslo e Paris.

PUB

Conheça mais sobre as soluções de trading online da DeGiro.

DeGiro

Marketing Automation certified by E-GOI