Automóveis Continental: Na vanguarda da inovação

Continental: Na vanguarda da inovação

Pneus sensíveis às condições do tempo e ao piso, que adaptam a pressão e interagem com o automóvel, estão entre as tecnologias associadas à condução e ao veículo em estudo na Continental.
Adriano Oliveira 10 de março de 2018 às 16:00
Nos países onde a neve e o gelo são frequentes nos períodos de Inverno mais rigoroso, como tem acontecido nas últimas semanas por toda a Europa, os automobilistas costumam trocar os pneus das suas viaturas por outros mais apropriados para o piso escorregadio. E não é por haver neve ou gelo nas estradas que deixam de circular de automóvel, de fazer os seus trajectos diários, da casa à escola, ao escritório, ao supermercado!

Em Portugal, país menos dado aos rigores do Inverno, à excepção da região Norte, não é bem assim. Cai neve, fecham-se as estradas, as escolas, são poucos os que circulam de carro, aconselha-se a não sair de casa. Os que arriscam pegar no volante, metem correntes nos pneus e lá vão. Mesmo assim são poucos os que o fazem. Daí a pergunta: vale a pena apostar nos pneus de Inverno?

O grupo Continental, fabricante de pneus e de tecnologias de segurança associadas ao veículo e à condução, diz que sim, embora a mudança para pneus de Inverno dependa sempre das verdadeiras condições meteorológicas de cada país. Como é o caso, por exemplo, da Suécia, onde participámos há poucos dias na edição de 2018 do TechnickForum, um evento idealizado para dar a conhecer algumas das mais recentes novidades desenvolvidas no interior do universo Continental.

Subordinado ao tema 'Vision Zero - Para um futuro sem acidentes', o evento destacou a condução autónoma e o contributo da Continental para uma mobilidade mais confortável e segura, a importância da cibersegurança e dois novos protótipos de pneus inteligentes, com novas tecnologias. O ContiAdapt, que detecta o estado do piso e ajusta a pressão do pneu automaticamente, e o ContiSense, um pneu electrificado e com sensores que monitorizam e transmitem informação para o veículo ou para um telemóvel sobre o estado do pneu, desde o seu desgaste à temperatura, danos, estado do piso, etc.

Por agora, os mais recentes desenvolvimentos da Continental em matéria de pneus de Inverno dão pelas designações de WinterContact TS 860 S e VikingContact 7. Já no mercado, um e outro foram postos à prova em condições extremas na Suécia, com temperaturas a rondar os 30 graus negativos.

Na experiência foi possível comparar os novos pneus com as anteriores gerações em diversos tipos de veículos, mais recentes e mais antigos, e estabelecer diferenças significativamente positivas na aderência e na travagem, dois factores essenciais para uma condução na máxima segurança.


Destaques

'Vision Zero': 1.2 milhões de mortes todos os anos em acidentes de viação no mundo podem ser evitados.

Segurança a todos os níveis

Com a evolução da digitalização, da conectividade e da condução autónoma, os automóveis são hoje parte de tudo na Internet e estão sujeitos aos ataques dos 'hackers'. Para os combater a Continental está a desenvolver vários sistemas de detecção e protecção na área da cibersegurança.

ABS3 - Mais rápido e mais preciso

A última geração ABS3 desenvolvida pela Continental responde de forma mais rápida e precisa à mudança das condições do piso da estrada, mesmo em condições difíceis, assegurando uma travagem mais optimizada e com melhor desempenho sem comprometer a estabilidade do veículo.


Negócios na Suécia, a convite da Continental





Saber mais e Alertas
pub