Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

É branco, mas feito como se fosse um tinto

Para efeitos de marketing, leva o nome de "orange wine". Para o que interessa, é um branco de curtimenta. Este Roquevale é um vinho sério, gastronómico, feito para viver em garrafa e dar boa conversa à mesa.

Edgardo Pacheco 24 de Setembro de 2016 às 12:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Hoje estarão relativamente afastados da ribalta, mas já houve um tempo em que falar dos vinhos Roquevale era sinónimo de falar em modernidade da viticultura alentejana. Esta foi uma das primeiras empresas da região a engarrafar vinhos e a primeira – onde isso já vai – a colocar vinhos de qualidade em "bag in box", coisa que foi encarada como um insulto ao Alentejo.

Quando tal aconteceu, um produtor alentejano famoso por dizer tudo o que pensa sem medir as palavras e que não diremos quem é porque não somos gente de enredos (ainda assim, um produtor de muito mérito), apanhou a jovem enóloga Joana Roque do Vale pelo caminho e perguntou-lhe quem era ela para tratar o Alentejo daquela forma (o linguajar foi outro mas poupamos os detalhes aos leitores). Muitos anos depois, esse mesmo personagem fez questão de se aproximar da enóloga e pedir-lhe desculpa pelo julgamento precipitado. "Nunca deixámos de ser amigos por causa daquele episódio, mas soube-me bem o pedido de desculpas", diz-nos Joana Roque do Vale. E isto porque engarrafar vinho em "bag in box" não significa abdicar da produção de vinho de qualidade.

Mas avancemos que, hoje, o que interessa é destacar este novo branco Roquevale. Trata-se de um vinho branco dito de curtimenta mas que, por razões misteriosas, passou a ser apelidado, mesmo cá dentro, como "orange wine". Orange, porque este tipo de brancos apresenta-se sempre com tonalidades oxidativas, entre o dourado, o amarelo e o alaranjado profundo, pelo que não será preciso ter um QI muito desenvolvido para desconfiar que seguramente foi um "marketeer" qualquer a desencantar a ideia do "organge wine".

Contudo, o que importa realçar é que este novo Roquevale é um vinho branco feito como se fosse um tinto. Ao contrário do que acontece com os vinhos brancos modernos, as uvas deste Roquevale 2015 fermentam com as películas, e durante nove dias, a uma temperatura de 15 graus. E esta técnica leva o nome de branco de curtimenta.

Antes que algum leitor com memória de certos vinhos brancos oxidados do antigamente fique arrepiado, convém desde já dizer que, se a ideia foi recuperar alguma tradição no conceito, tal não significou recuperar velhas técnicas antes da existência de sistemas de frio nas adegas. Isto é, Joana Roque do Vale fez um vinho de memória, sim, mas com a tecnologia e os conhecimentos científicos actuais. É muito diferente.

E se esse mesmo leitor ainda estiver com dúvidas sobre o interesse do vinho de antigamente, diremos que o que se pretendeu foi fazer um branco mais rico e com capacidade de evolução no tempo. Um branco complexo, diferente em matéria de aromas e sabores e com grande versatilidade gastronómica. Reparem lá, se um tinto é rico porque retira complexidade das películas, com um branco acontecerá o mesmo. Fica com uma cor mais carregada? Pois fica. E daí? De resto, a cor é, felizmente, um parâmetro em desuso nos concursos de vinhos. O item está lá, mas ninguém lhe liga patavina.

A iniciativa de Joana merece-nos aplauso, mas quando nos diz que os estrangeiros apreciam mais este perfil de vinho do que os portugueses, isso entristece-nos. A Roquevale não é a primeira empresa a fazer este tipo de vinhos, mas, se vários produtores, em várias regiões, optarem por pequenas colheitas de brancos de curtimenta, e se os escanções olharem para estes mesmos vinhos com olhos de ver, e se uma ou outra garrafeira se empenhar, e se os críticos se interessarem pela coisa, talvez, talvez haja caminho para estes vinhos complexos e ricos e que à mesa dão muito gozo e boa conversa. Anda por cima, baratinhos. 

Ver comentários
Saber mais Vinhos vinho tinto vinho branco orange wine Roquevale bag in box Alentejo Joana Roque do Vale
Mais lidas
Outras Notícias