Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Miguel Bastos Araújo: O conhecimento científico pode retirar graus de liberdade à política

Miguel Bastos Araújo venceu o Prémio Pessoa 2018. O biogeógrafo, que em criança apanhava bichos no campo, diz que o interesse pela biodiversidade começa com uma experiência emocional. Filho de académicos, nasceu em 1969 em Bruxelas como refugiado político. Hoje, o cientista que estuda as alterações climáticas trabalha em Madrid, no Museu Nacional de Ciências Naturais, mas vem regularmente a Évora onde dá aulas na universidade. Foi lá que nos recebeu.

Sérgio Lemos
  • Partilhar artigo
  • ...

O que é que faz um biogeógrafo?

...

Ver comentários
Saber mais Miguel Bastos Araújo biogeografia Prémio Pessoa 2018 Museu Nacional de Ciências Naturais Universidade de Évora ciência biodiversidade alterações climáticas política ONG planeta Terra Casa Morgado Esporão retiros científicos fauna flora
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias