Weekend O sepulcro e o amarelo de Madrid
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

O sepulcro e o amarelo de Madrid

Duas exposições, que foram incluídas no Mês da Fotografia em Almada, retratam ambientes opostos. Em “(Im)permanência” o fotógrafo Manuel Botelho foca-se na escultura tumular portuguesa, enquanto Paulo Figueiredo apresenta o amarelo das agitadas ruas de Madrid em “Amadrillo”.
Filipa Lino 07 de dezembro de 2019 às 19:00

Fotos em cima: Amadrillo, de Paulo Figueiredo, está no Posto Municipal de Turismo da Costa de Caparica até 3 de janeiro de 2020. 

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI