Weekend Tanta vida, tanta morte
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Tanta vida, tanta morte

Que leve que é a persistência de Woolf! Tão leve como a alma do bebé que morre no estado de anjo.
Tanta vida, tanta morte
Manuel S. Fonseca José Tiny - Ilustração 25 de agosto de 2019 às 10:00

É rara a pessoa que só morre uma vez. Até James Bond nos aconselha a viver duas vezes para podermos morrer outras tantas. Mas ninguém morre tanto como o escritor. O escritor morre em cada personagem, falece-lhe a vida a cada

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI