Automóveis Toyota Yaris GRMN: Exclusivíssimo

Toyota Yaris GRMN: Exclusivíssimo

O novo Toyota Yaris GRMN é um supercarro tão exclusivo que mesmo antes de ser produzido já tinha sido totalmente vendido. 400 são para a Europa e 200 para o Japão. Portugal recebe três.
A carregar o vídeo ...
Adriano Oliveira 27 de janeiro de 2018 às 16:00
Características

39.425€

Toyota Yaris GRMN 1.8 DUAL VVT-i

Motor: dianteiro transversal, alumínio, injecção electrónica a gasolina, 4 cilindros em linha, 16 válvulas DOHC, Dual VVT-i, sobrealimentado - compressor Magnuson (com rotor Eaton).
Cilindrada: 1.798 cc.
Potência: 212 cv/6.800 rpm.
Binário: 250 Nm/4.800 rpm.
Velocidade máxima: 230 km/h (limitada electronicamente).
Aceleração máxima: 6,4s 0-100 km/h.
Tracção: dianteira.
Transmissão: manual de 6 velocidades.
Consumos homologados (litros aos 100 km):
extra-urbano 5,7;
urbano 10,6;
misto 7,5.
Emissões CO2 (combinado): 170 g/km.


Para festejar o seu regresso ao Campeonato do Mundo de Ralis, a Toyota produziu uma variante desportiva do Yaris, que baptizou GRMN (acrónimo de "Gazoo Racing Masters of Nürburgring").

Dotado de um bloco de 1.8 litros a gasolina sobrealimentado por um compressor Magnuson, que debita 212 cavalos e está acoplado a uma caixa manual de seis velocidades, o Yaris GRMN oferece altas prestações e uma óptima experiência de condução tanto em estrada como em pista, como comprovámos no decurso dos ensaios dinâmicos, que decorreram recentemente na região de Barcelona e no circuito ParcMotor, em Castelloli.

Este motor é fabricado na Toyota no País de Gales, mas tem afinações específicas e software desenvolvido pela Lotus. Segue depois para a Toyota em Valenciennes (França) onde o novo modelo está a ser produzido em exclusivo e em série limitada.

Toda a produção, num total de 400 unidades para a Europa e 200 para o Japão, onde é comercializado sob a designação Vitz GRMN, foi vendida em apenas três dias, no Verão do ano passado, quando o modelo esteve disponível online para reserva. Três unidades foram adquiridas por clientes portugueses. A produção na fábrica, que só começou depois de todos os contratos estarem garantidos, termina em Abril próximo.

Esteticamente, esta variante Yaris GRMN tem muito pouco que ver com a versão híbrida e ainda bem. Bandas específicas vermelhas e pretas (um piscar de olho ao Yaris WRC), grelha em favos de mel, faróis de LED, pára-choques diferentes, difusor traseiro com saída de escape central, "spoiler", antena de tejadilho tipo barbatana de tubarão, o Yaris GRMN não esconde o seu temperamento desportivo, que se reflecte também no interior.

O equipamento de série é extenso e inclui as mais recentes tecnologias e sistemas de segurança activa e passiva.

Mecanicamente, a Toyota introduziu alterações profundas no chassis do Yaris para adaptá-lo à potência do motor. Destaque para o diferencial autoblocante Torsen no eixo de tracção, a barra de reforço nas torres da suspensão dianteira, os amortecedores Sachs Performance e os travões com discos dianteiros ventilados de 275 mm e pinças de quatro êmbolos. Os pneus são Bridgestone Potenza 205/45 R17, que estão montados em jantes de liga leve de 17 polegadas BBS.

Segundo a Toyota, o Yaris GRMN é o início de uma nova era na marca, que reserva no futuro outros modelos.


Destaques

Fundada em 2015, a Gazoo Racing concentra as actividades globais da Toyota no desporto automóvel.

Habitáculo desportivo

O habitáculo, em que predomina a cor negra, acolhe bancos "bacquets" desenvolvidos pela Toyota Boshoku, com excelente suporte lateral, pedais desportivos em alumínio, um painel de instrumentos com um mostrador exclusivo TFT e um volante de pequeno diâmetro adaptado do GT86.

Radical, mas não brutal

Com apenas 1.210 quilos e 212 cv, o novo Yaris GRMN oferece uma excelente relação peso/potência. Divertido de conduzir, revela um comportamento muito ágil e seguro, sobretudo em circuito, onde acelera com rapidez e trava com eficácia. Uma pequena "bomba" radical, mas não brutal!

Negócios em Castelloli, a convite da Toyota




pub