Economia Argentina ameaça expulsar Venezuela do Mercosul por violação de direitos humanos

Argentina ameaça expulsar Venezuela do Mercosul por violação de direitos humanos

O presidente argentino, Mauricio Macri, denunciou hoje "violações de direitos humanos" na Venezuela e afirmou que, se continuarem, a posição da Argentina vai ser "de expulsão" do país do Mercosul, grupo de onde está suspenso desde Dezembro.
Argentina ameaça expulsar Venezuela do Mercosul por violação de direitos humanos
Lusa 08 de abril de 2017 às 15:13

Numa entrevista difundida hoje pela televisão pública internacional alemã "Deutsche Welle", Macri recordou que países-membros do bloco – Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai – instaram a Venezuela, que "claramente não qualificam como uma democracia" a garantir a separação de poderes, libertar os "presos políticos" e respeitar o calendário eleitoral.

 

Na sua opinião, pela primeira vez foram ditas "as coisas como elas são" e agora há que seguir de perto a evolução dos acontecimentos e fazer "toda a pressão possível".




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Conselheiro de Trump 08.04.2017

Argentina parece ter um sotaque periferico,mais propriamente gerigoncado,tambem eles com a corda ao pescoco ja ha um par de anos e parecem reis.

pub