Concorrência & Regulação Autoridade da Concorrência defende regras semelhantes para táxis, Cabify e Uber

Autoridade da Concorrência defende regras semelhantes para táxis, Cabify e Uber

A líder da Concorrência sublinhou que o supervisor não tem preferências neste sector e quer apenas que o consumidor seja beneficiado.
Autoridade da Concorrência defende regras semelhantes para táxis, Cabify e Uber
Miguel Baltazar/Negócios
André Cabrita-Mendes 11 de julho de 2017 às 16:12
A Autoridade da Concorrência (AdC) considera saudável a concorrência nos transportes privados de passageiros, mas defende que devem existir regras iguais entre os táxis e as plataformas digitais.

"A Autoridade é favorável à concorrência e aos consumidores neste mercado, no entanto, achamos que deve haver legislação que seja aplicável em iguais moldes para todos", disse a presidente da AdC esta terça-feira, 11 de Julho na comissão parlamentar de economia.

"Ou seja, não somos favoráveis nem a uns nem a outros, queremos e gostamos que haja concorrência desde que o  consumidor seja beneficiado por essa concorrência", disse Margarida Matos Rosa.


A líder da AdC admitiu que existe um excesso de regulamentação no sector dos táxis e que deve ser reduzida ao máximo. "Pareceu-nos que a regulamentação de serviços de táxi já era algo obsoleta, algo que os novos modelos de negócio querem tornar mais evidente e achamos que neste ou qualquer outro mercado a regulação deve cingir-se ao mínimo necessário para endereçar falhas de mercado", começou por dizer.

"É inegável que a entrada de novos modelos de negócio nos obrigou a repensar este mercado e fizemos recomendações no sentido de reduzir um eventual número excessivo de regras existentes na legislação actual", completou Margarida Matos Rosa.

Num parecer datado de Julho de 2016, a Concorrência defendia precisamente que os táxis são muito regulamentados e fez várias recomendações ao Governo para aligeirar as regulamentações, de forma a aumentar a concorrência no sector face às plataformas digitais Caby e Uber.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 12.07.2017

Correção ao primeiro parágrafo da notícia:
"A Autoridade da Concorrência (AdC) considera saudável a concorrência nos transportes privados de passageiros, mas defende que devem existir regras iguais entre os táxis e as plataformas digitais"
TÁXI NÃO É UM TRANSPORTE PRIVADO DE PASSAGEIROS.

Anónimo 12.07.2017

Ganhe até 800,00 em incentivo para ser motorista. Ao se inscrever no site digite 24zz3v98ue. USUARIO No UBER ganhe até 25,00 em duas corridas com o código 24zz3v98ue, digite o código no menu da esquerda na aba pagamento opção promoções
No cabify use thierryc3

Uber é TOP 11.07.2017

Taxis? lol

pub
pub
pub
pub