Empresas Fortunas dos mais ricos de Portugal em máximos de 2008

Fortunas dos mais ricos de Portugal em máximos de 2008

A riqueza dos 25 mais ricos cresceu pelo quarto ano consecutivo em 2017. A família Amorim é a mais rica de Portugal, segundo a lista anual da Exame.
André Cabrita-Mendes 26 de julho de 2017 às 20:00
Os ricos em Portugal estão cada vez mais ricos. É preciso recuar nove anos para encontrar um nível de riqueza tão elevado entre os mais abastados.

As fortunas dos 25 portugueses mais ricos voltaram a crescer este ano pelo quarto ano consecutivo. São 18,8 mil milhões de euros no total, mais 25% face a 2016, segundo a lista anual elaborada pela revista Exame e divulgada esta quarta-feira, 26 de Julho.

A riqueza dos 25 mais ricos voltou a crescer pelo quarto ano consecutivo, no que é o maior crescimento anual dos últimos anos. Estas fortunas equivalem agora a 10% do PIB nacional, face aos 8,3% de 2016.

Com a morte do empresário Américo Amorim, a maior fortuna de Portugal está agora nas mãos dos seus herdeiros, com a família Amorim a deter um património avaliado em 3,8 mil milhões de euros, o valor mais elevado desde 2014.

A família Amorim é a maior accionista da petrolífera Galp e da Corticeira Amorim. Paula Amorim (na foto) sucedeu ao seu pai como chairman da Galp.

Na segunda posição surge o líder da Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, cuja fortuna cresceu em 500 milhões de euros para os 2,5 mil milhões à conta da valorização das acções da cotada dona do Pingo Doce.

A última posição do pódio é ocupada pela família Guimarães de Mello, com a sua fortuna a crescer de 1,2 mil milhões para 1,47 mil milhões, com a ajuda dos investimentos no grupo José de Mello, Brisa, CUF e Efacec.

Belmiro de Azevedo, fundador da Sonae, mantém a quarta posição no ranking, com a sua riqueza a subir de 1,15 mil milhões para 1,31 mil milhões.

O top 10 conta com uma nova entrada: Maud e Pedro Queiroz Pereira sobem para a décima posição com 569 milhões de euros.

A mulher mais rica de Portugal é Maria Isabel dos Santos, dona de 10% da Sociedade Francisco Manuel dos Santos, que detém a Jerónimo Martins. Maria Isabel dos Santos manteve assim a oitava posição, com uma fortuna avaliada em 664 milhões.






pub