Empresas Navigator vende negócio de pellets à norte-americana Enviva

Navigator vende negócio de pellets à norte-americana Enviva

A The Navigator Company, ex-Portucel, vendeu o seu negócio de granulados de madeira nos Estados Unidos.
Navigator vende negócio de pellets à norte-americana Enviva
Bloomberg
Carla Pedro 29 de dezembro de 2017 às 22:29

A Navigator celebrou um contrato de para a venda do seu negócio de granulados de madeira (pellets), nos Estados Unidos, a uma joint-venture gerida e explorada por uma entidade associada da Enviva Holdings, informou a ex-Portucel em comunicado à CMVM.

 

A concretização da venda "encontra-se sujeita à verificação de determinadas condições precedentes e autorizações regulatórias, habituais neste tipo de transacções, esperando-se que o processo esteja concluído no decorrer do primeiro semestre de 2018", refere o documento.

A empresa não especifica qual o valor que será encaixado com esta venda.

 

Em Dezembro de 2014, a Navigator informou o mercado da decisão de investir numa fábrica de pellets nos Estados Unidos, em Greenwood, na Carolina do Sul, com capacidade de produção de 500 mil toneladas por ano, tendo esta ficado concluída no segundo semestre de 2016.

 

"Este investimento, que constituiu uma oportunidade de crescimento na área da bioenergia, permitiu desenvolver e diversificar a base de activos industriais da Navigator", acrescenta o comunicado da empresa produtora de pasta e papel.

 

A Navigator refere ainda que, "face a uma oportunidade financeiramente atractiva de desinvestimento", decidiu "vender o negócio das pellets e activos relacionados, libertando assim capital".

 

"Os últimos três anos constituíram um período de grande aprendizagem, durante o qual o grupo projectou e construiu uma fábrica de dimensão mundial e adquiriu uma valiosa experiência de gestão de pessoas e bens nos Estados Unidos", remata a empresa.

 

A Enviva Holdings, com sede em Bethesda, no estado norte-americano de Maryland, fabrica e distribui, através das suas subsidiárias, granulados de madeira (wood pellets).

 

Os pellets, conforme explica a Navigator no seu website, são produzidos a partir de madeira limpa, resultante da limpeza das florestas e de desperdícios da indústria madeireira (biomassas) que, depois de triturados e secos, se transformam num produto – "serrim" – que é comprimido de modo a eliminar ao máximo resinas e humidade. "O resultado é uma matéria 100% natural com um elevado poder calorífico, três vezes superior ao da lenha vulgar".

 

A Navigator encerrou a sessão desta sexta-feira a ceder 0,33% para 4,252 euros por acção.




Saber mais e Alertas
pub