Bolsa As datas da OPA à EDP Renováveis

As datas da OPA à EDP Renováveis

Arrancou esta quinta-feira a oferta pública de aquisição (OPA) da EDP sobre a EDP Renováveis. Os resultados da operação deverão ser conhecidos a 4 de Agosto.
As datas da OPA à EDP Renováveis
Raquel Godinho 06 de julho de 2017 às 12:35

6 de Julho

Arrancou às 8:30 (hora de Lisboa) desta quinta-feira, 6 de Julho, a oferta pública de aquisição sobre a EDP Renováveis. A EDP tinha anunciado, no final de Março, esta operação que agora contou com o "ok" da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

27 de Julho
Caso haja uma revisão da oferta, há um prazo limite para que isso aconteça. "Até cinco dias antes do fim do prazo da oferta, o oferente pode rever a contrapartida quanto à sua natureza e montante", refere o prospecto da operação.

31 de Julho

É até esta data que os investidores que tenham aceite a oferta podem mudar de ideias e revogar a ordem dada. "Os detentores de acções que aceitem a oferta poderão revogar a sua declaração de aceitação através de comunicação dirigida ao intermediário financeiro que a recebeu", refere o prospecto. Esta revogação pode ser dada a qualquer momento até três duas úteis antes do fim da oferta, ou seja, até às 15:00 (hora de Lisboa) do próximo dia 31 de Julho.


3 de Agosto

Termina a OPA, às 15:00 (hora de Lisboa). É até esta data que podem as ordens de venda da EDP Renováveis ser recebidas. Mas a oferta pode ser prolongada, por decisão da CMVM ou pedido da EDP, "em caso de revisão, lançamento de oferta concorrente ou quando a protecção dos interesses dos destinatários o justifique".


4 de Agosto

À partida, os resultados da oferta serão conhecidos a 4 de Agosto, o primeiro dia útil depois do fim da oferta, em Sessão Especial de Mercado Regulamentado, "em hora a designar no respectivo aviso de Sessão Especial de Mercado Regulamentado, a publicar pela Euronext Lisbon".


8 de Agosto

Prevê-se que a liquidação física e financeira da operação aconteça no segundo dia útil após a Sessão Especial de Mercado Regulamentado. Nesse sentido, espera-se que a liquidação ocorra no próximo dia 8 de Agosto de 2017.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
O Mexia devia ser empancado! 06.07.2017

Vender na OPA a 6,75 euros e tendo comprado há muitos anos na OPV a 8 euros o Mexia só pode estar a gozar o pagode! Capem esse malandro q ganha (rouba) mais de 3 milhões de euros ano! E o Pintelhos deve ser pendurado nu numa árvore untado com mel e soltar um enxame de Vespas!

pub
pub
pub
pub