Conjuntura INE acusa Marques Mendes de “falsa antecipação grave” de dados

INE acusa Marques Mendes de “falsa antecipação grave” de dados

O INE diz que as declarações do Conselheiro de Estado podem “afectar negativamente” a confiança da opinião pública no instituto.
INE acusa Marques Mendes de “falsa antecipação grave” de dados
Nuno Aguiar 24 de julho de 2017 às 12:21
Tornou-se uma das marcas do espaço de comentário semanal do antigo líder do PSD: antecipar a divulgação de dados oficiais do Instituto Nacional de Estatística (INE). Ontem, Luís Marques Mendes referiu-se a dados do desemprego e, desta vez, o INE não levou a bem. Num esclarecimento enviado às redacções, acusa o comentador de "falsa antecipação" de dados.

Ontem à noite, durante o seu comentário na SIC, o conselheiro de Estado deu um dado em forma de revelação. "A taxa de desemprego está neste momento em 9,5%, valores de Abril. Pois bem, vai baixar para 9,4%, são resultados que o INE vai divulgar oportunamente, relativamente ao mês de Maio. Ainda não é conhecido, mas vai divulgar", afirmou.

O instituto explica que há quase um mês publicou uma estimativa provisória da taxa de desemprego de Maio - precisamente esses 9,4% -, o que significa que "Luís Marques Mendes, não antecipou este resultado do INE". "O resultado já tinha sido publicado!"

O INE considera ainda que "esta falsa antecipação é grave na medida em que se pode gerar na opinião pública a ideia que Luis Marques Mendes tenha qualquer privilégio de acesso antecipado às estatísticas oficiais do INE, o que não sucede".

A divulgação da estimativa definitiva do desemprego de Maio será feita na próxima sexta-feira, tendo começado apenas hoje [segunda-feira, 24 de Julho] o trabalho de apuramento da mesma. O que significa que é "materialmente impossível qualquer conhecimento prévio dos resultados".

O INE sublinha ainda que afirmações deste género podem colocar em causa a sua capacidade para cumprir os seus objectivos, podendo "afectar negativamente a confiança da opinião pública sobre a forma como o INE exerce a sua missão de serviço público". Essa confiança, argumenta o INE, é "essencial" para que se obtenha "a colaboração de pessoas e empresas nos inquéritos", nomeadamente o do emprego.

Contactado pelo Negócios, o ex-presidente do PSD não quis fazer qualquer comentário ao comunicado do INE, remetendo uma eventual reacção para o seu comentário semanal de domingo.

Nos últimos meses, Marques Mendes tem procurado antecipar alguns dados do INE. Isso já aconteceu em relação a números do produto interno bruto (PIB), bem como do défice orçamental. Em vários desses casos, o Negócios questionou o INE sobre este tipo de antecipação, sem que o instituto quisesse responder ao comentador, excepto para esclarecer timings de publicação de dados, assim como as entidades que recebem a informação com embargo. Aquilo a que chama uma "falsa antecipação" terá sido a gota de água para o instituto liderado por Alda Carvalho.



A sua opinião30
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Beruno Há 3 semanas

de facto nao sei como é que o marques mendes obtem tanta informaçao para falar no domingo à noite. mas nao gosto nada desse formato. desculpem-me, mas ele mais parece um chibo que despeja toda a informaçao que consegue, do que um comentador politico

comentários mais recentes
Maria Há 3 semanas

Estes comentários não me interessam para nada, agora o grande aumento de divida pública sim. Pois assim como o aumento dos impostos, o governo ira subir a idade da reforma.

pertinaz Há 3 semanas

O DESESPERO DA ESCUMALHA É TAL QUE JÁ SE ATIRAM A TODOS OS QUE ANUNCIAM BOAS NOTÍCIAS EM VEZ DELES... GRAVE É OBRIGAREM OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS DO INE A ESTAS TRISTES FIGURAS...!

Anónimo Há 3 semanas

Estes comentários não me interessam para nada, agora o grande aumento de emprego sim. Pois assim com o aumento das TSU o governo ira baixar a idade da reforma.

Anónimo Há 3 semanas

A culpa n é dele. É de q o põe a comentador . Tanta gente mais inteligente n tem trabalho. Este chico esperto aparece todos os domingos a vender banha da cobra.
Façam c eu mudem de canal e verão onde vai parar o chico esperto. É o q se pode fazer à maior parte dos comentadores q aparecem.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub