Política Rio diz que actual Governo vai ter oposição firme mas não populista

Rio diz que actual Governo vai ter oposição firme mas não populista

Rui Rio afirmou este sábado que seguirá o legado deixado por Francisco Sá Carneiro e avisou que o actual Governo terá com a nova liderança do PSD uma "oposição firme e atenta", mas "não demagógica ou populista".
Rio diz que actual Governo vai ter oposição firme mas não populista
Fernando Veludo/Lusa
Lusa 13 de janeiro de 2018 às 23:49

No seu discurso de vitória nas eleições directas para a liderança social-democrata, em que elogiou o ainda presidente Pedro Passos Coelho, Rui Rio disse que sempre se guiou pelos ideais do fundador do PSD, Sá Carneiro, e que é essa "a bússola" que vai "continuar a seguir como meta".

 

O partido, disse, "não foi fundado para ser um clube de amigos ou uma agremiação de interesses ou de grupos".

 

Segundo Rui Rio, o PSD apresentar-se-á depois do congresso do partido, em Fevereiro, como "alternativa de governo à actual frente de esquerda que se formou". "Alternativa capaz de dar a Portugal uma governação mais firme e corajosa, capaz de enfrentar grandes problemas estruturais", bem como capaz de "restituir a vontade, a alma e a esperança", vincou.

 

O ex-presidente da Câmara do Porto agradeceu a todos os militantes que votaram em si, a quem esteve a seu lado nestes três meses e ao seu adversário nas directas, Pedro Santana Lopes, que "com generosidade e empenho se apresentou a estas eleições, permitindo assim um confronto de ideias que não só valorizam esta vitória como enriquecem os objectivos comuns".




A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Marita Bastos Há 1 semana

Pois é, Dr. Rio!!! Belo SOCO NO ESTÔMAGO da INTRAGÁVEL / DESLUMBRADA / OPORTUNISTA /DEMAGÓGICA e POPULISTA Crista, de má memória que dedica-se de corpo e alma às TRICAS e MALDIZER, por tudo e por nada!!!

Atacar a esquerdalha que percegue os CTT ,EDP, REN Há 1 semana

É preciso apoiar as empresas que dão lucro.
Os politicos da esquerda ressabiada têm de assumir as consequências
A Autoeuropa está minada, os CTT e a EDP são perseguidas porque Costa está a fazer favores ao PCP e ao BE

CORRER COM A ESQUERDA RADICAL Há 1 semana

Estão a arruinar o País, não respeitam as Empresas cotadas, que criam postos de trabalho, deixem os CTT fazer o trabalho deles, acabar com as lojinhas de bairro, reformar quem não faz falta, adaptar-se aos novos desafios, não criem entraves, estes esquerdistas vão arruinar o País como na venezuela

Anónimo Há 1 semana

Conclusao vai continuar a deixar roubar os contribuintes e implantar os desvalores das esquerdas. É caso para dizer, Lenine atualizado não faria melhor que a esquerdalha no poder.

ver mais comentários
pub