Research Notificações electrónicas podem retirar 10 milhões de receitas aos CTT em 2017

Notificações electrónicas podem retirar 10 milhões de receitas aos CTT em 2017

Os analistas consideram que o impacto real nas contas dos CTT das notificações electrónicas por parte do Governo dependerá da capacidade da empresa em cortar custos.
Notificações electrónicas podem retirar 10 milhões de receitas aos CTT em 2017
Miguel Baltazar/Negócios

O lançamento da morada única digital, anunciado na quinta-feira, 17 de Novembro, pelo Governo terá impacto nas contas dos CTT. Mas a sua dimensão vai depender da capacidade da empresa em cortar custos, alertam os analistas.

 

Assumindo que a decisão do Governo leva a que 25% dos cidadãos subscrevam as notificações electrónicas, os cálculos do Haitong apontam para um potencial impacto de "10 milhões nas receitas em 2017 e um impacto adicional em 2018 de 20 milhões". Os analistas do banco de investimento adiantam que esta evolução poderá ser "parcialmente anulada por um aumento de preços".

 

Ainda assim, sem considerar qualquer corte de custos, o Haitong diz que esta decisão "pode afectar o EBITDA de 2018 face às estimativas [do banco de investimento] em 20 milhões de euros ou 13% do EBITDA", sendo este "obviamente, o pior cenário".

 

"Isto pode provocar um impacto negativo nas nossas estimativas para os CTT, acelerando a queda do volume de correio, mas é preciso ter presente que qualquer impacto maior só será conhecido em 2018 e o impacto nos volumes de correio estrutural não deve ser muito diferente do que aquilo que tem sido referido pela gestão desde o IPO" e que aponta para quedas entre os 3% e os 5% por ano no volume de correio estrutural.

 

O Haintong adianta que mantém a recomendação de "comprar", apesar de admitir que estas notícias tenham um impacto negativo na negociação das acções. "Pensamos que os CTT estão a negociar em múltiplos acessivos."

 

Já o BPI realça que "se os CTT forem capazes de cortar custos estruturais proporcionalmente (uma visão optimista), o impacto ao nível do EBITDA consolidado deve ser de 3% (ou 15% do EBITDA se não houver ajustamento na estrutura de custos)", adianta a mesma fonte.


As acções dos CTT sofreram ontem uma queda supeiror a 5% devido a esta notícia. Hoje cedem mais de 1% para 5,778 euros.
 

Assumindo que os CTT conseguirão manter "a mesma margem de EBITDA em 2021" - o BPI prevê 20,9% e 19,6% em 2016 - a poupança do Estado de 75 milhões de euros, num horizonte de cinco anos, "poderá representar uma perda de cerca de 16 milhões de euros no EBITDA", acrescenta a mesma fonte.

 

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, anunciou na quinta-feira a decisão de propor à Assembleia da República a criação da morada única digital e o respectivo serviço público de notificações electrónicas, prevista no Programa Simplex+ 2016.

 

alteração proposta pelo Executivo deverá permitir que cidadãos, empresas e entidades recebam as notificações administrativas e fiscais electronicamente, sendo a adesão voluntária para pessoas singulares. 


"A estimativa de despesa que temos em envio de correio postal é de 85 milhões de euros olhando para o orçamento actual", referiu, explicando que "a poupança potencial estimada" é este valor. 


De acordo com a apresentação dos resultados dos CTT, entre Janeiro e Setembro deste ano as receitas oriundas deste negócio (que representaram 73% do total) caíram 2,3% para 375,3 milhões de euros. O correio expresso e encomendas representaram 17% e sofreram uma queda de 8,3%. No total, as receitas caíram 3,9% para 517,1 milhões de euros.

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro. 

 




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

ontem eram 85 milhões, hoje são 10 milhões e o ti Manel continua a comprar açoes a preço de saldo e a reforçar a sua posição na empresa. estas noticias dao muito jeito.

j.carvalho Há 2 semanas

Não é necessário os CTT ficarem de prejuízo, podem sempre o contribuinte a pagar as caixas correio electrónicas.
É o que se tem feito até aqui!!!!

pub
pub
pub
pub