Mercados Presidente da Euronext Lisbon diz que Trump e Macron estão a ajudar a bolsa portuguesa

Presidente da Euronext Lisbon diz que Trump e Macron estão a ajudar a bolsa portuguesa

O efeito-Trump afastou investidores dos EUA e o efeito-Macron deu-lhes mais conforto para apostar na Europa, "e Portugal beneficia", defende Paulo Rodrigues da Silva.
A carregar o vídeo ...
Tiago Freire e Rosário Lira
Tiago Freire 29 de julho de 2017 às 21:00
A bolsa nacional está a subir desde o início do ano e também a ganhar mais volume de negociação. Para o presidente da Euronext Lisbon, toda a Europa está a beneficiar do efeito combinado de Trump e de Macron.

A turbulência provocada pelo presidente norte-americano gerou dúvidas nos investidores, enquanto a vitória de Macron nas eleições francesas contribuiu para esbater receios quanto ao futuro do euro e da Europa. Segundo Paulo Rodrigues da Silva, todas as praças do grupo Euronext estão a sentir um aumento do interesse e dos volumes negociados, fenómeno que também está a ter expressão na bolsa lisboeta.

A entrevista a Paulo Rodrigues da Silva poderá ser escutada na íntegra este domingo, às 13 horas, na Antena 1, e ser lida na edição de segunda-feira do Jornal de Negócios.



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
António 30.07.2017

Claro que beneficia. As bolsas americanas batem record atrás de record e o desgraçado do PSI 18 ou 19 (já nem sei) nem nos 5.200 pontos se consegue consolidar. E 5.300 é uma miragem!

Anónimo 30.07.2017

Este senhor devia ter vergonha em fornecer cotações atrasadas aos investidores.

Amado,Investidor 30.07.2017

Para o presidente da Euronext Lisbon, toda a Europa está a beneficiar do efeito combinado de Trump e de Macron.

JOSE 29.07.2017

Mais um boy tuga. As Bolsas dos EUA estão em máximos históricos. O efeito Trump afasta investidores? Este boy deveria explicar porque é que o PSI-20 não tem 20 contadas, mas 18 ou 19.

pub