Mercados CGD lança conta com serviços associados a partir de 2,5 euros

CGD lança conta com serviços associados a partir de 2,5 euros

A Conta Caixa surge com três formatos, com um conjunto de serviços integrados, mediante o pagamento de uma mensalidade mínima de 2,5 euros.
CGD lança conta com serviços associados a partir de 2,5 euros
Tiago Sousa Dias/Correio da Manhã
Patrícia Abreu 08 de junho de 2017 às 16:44

A Caixa Geral de Depósitos acaba de lançar a Conta Caixa, uma conta que oferece um conjunto de serviços associados, mediante o pagamento de uma mensalidade mínima de 2,50 euros, para quem mantiver o rendimento domiciliado no banco. Os novos clientes apenas podem abrir uma Conta Caixa, com estas soluções multiproduto. A alternativa é a conta-base ou uma conta de serviços mínimos bancários.

A Conta Caixa tem três modalidades – S, M e L – que permite aos clientes escolher a solução que melhor se adapte ao seu perfil. Tal como nos tamanhos, a Conta S dá acesso a um conjunto mais reduzido de serviços. Esta solução, cuja mensalidade está fixada em 4 euros, mas desce para 2,50 euros para quem receba o ordenado pela Caixa ou tenha um património financeiro superior a 5.000 euros, dá acesso a um cartão de débito e duas transferências por mês.

Já as Contas M e L destinam-se a famílias, uma vez que incluem dois cartões de débito e de crédito. Na primeira solução, o cartão de crédito associado é o clássico e os clientes podem fazer até três transferências por mês sem qualquer custo adicional ao valor mensal de seis euros (quatro para quem tenha ordenado domiciliado). Já na Conta L, não há um limite para o número de transferências que se podem fazer durante o mês e o cartão de crédito associado a esta conta é o cartão gold.

Em ambas as soluções, M e L, os aderentes podem usufruir de um seguro de acidentes pessoais, sendo que a Conta L, cuja mensalidade é de nove euros – sete para quem receba o rendimento na conta – beneficia ainda de um seguro de assistência ao lar.

No âmbito destas soluções multiproduto, deixam de existir as tradicionais comissões de manutenção de conta, uma vez que o custo é fixo e idêntico para todos os clientes, cumprindo-se assim o objectivo de harmonização de condições por parte do banco. Tal como explicou José João Guilherme, administrador do banco público, num encontro com jornalistas, há "algumas inconsistências que foram ficando ao longo do ano" e há a necessidade de simplificar, concentrando a oferta em soluções que realmente satisfaçam as necessidades dos clientes.

A Conta Caixa dá ainda acesso a benefícios. Para quem subscreva um crédito à habitação com taxa fixa a sete anos junto da instituição, a CGD atribui 100 euros de oferta creditados no cartão de crédito, mantendo ainda parcerias com outras entidades, como o Continente. Quem associar o cartão Continente à conta pode usufruir de um desconto de 3% nos produtos frescos da rede de supermercados.

Para os clientes actuais, as suas contas mantêm-se, ainda que a instituição vá implementar mudanças nas condições exigidas para isentar os clientes da manutenção de conta, com o salário a deixar de ser condição única para não pagar comissão de gestão de conta. Mas, o administrador da CGD lembra que a solução integrada do banco é compensadora em termos de custos.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado alberto9 08.06.2017

É agora que vou fechar a conta

comentários mais recentes
bucks 08.06.2017

Eu para a semana vou encerrar conta.
Estão a obrigar a passar a contas pacote a pagar para não pagar.

alberto9 08.06.2017

É agora que vou fechar a conta

pub