Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A crise veio para ficar, avisa Banco de Portugal

O país levará, na melhor das hipóteses, dois anos a recuperar a atividade económica que será destruída em 2020, por causa da pandemia de covid-19. E estará muito longe do PIB que se acreditava, há apenas três meses, que seria possível atingir.

O Banco de Portugal quer evitar o facilitismo na contratação de produtos através dos canais online.
Mariline Alves
Margarida Peixoto margaridapeixoto@negocios.pt 26 de Março de 2020 às 22:03
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A crise económica provocada pela pandemia de covid-19 veio para ficar. No melhor dos cenários, Portugal levará dois anos a recuperar a atividade económica perdida. Mais: em 2022 terá um PIB 4,7% abaixo do que teria, se não tivesse sofrido a atual crise sanitária. Os números são do Banco de Portugal (BdP) e constam do Boletim Económico de março, publicado ontem.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais BdP Portugal Banco de Portugal PIB
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias