União Europeia Caldeira Cabral: Empresas francesas estão a contribuir para a recuperação da economia portuguesa

Caldeira Cabral: Empresas francesas estão a contribuir para a recuperação da economia portuguesa

O ministro deu o exemplo dos investimentos industriais feitos recentemente pela Renault, PSA e Mecachrome em Portugal.
Caldeira Cabral: Empresas francesas estão a contribuir para a recuperação da economia portuguesa
Bruno Simão/Negócios
André Cabrita-Mendes 07 de março de 2017 às 11:09

O ministro da Economia destacou a importância das empresas francesas presentes em Portugal para a recuperação económica do país, com os recentes investimentos realizados por várias companhias gaulesas.

 

"Portugal teve nos últimos meses uma recuperação muito interessante, o país esta a crescer a 2%, as exportações no ultimo trimestre de 2016 cresceram também a um ritmo interessante e o investimento deu sinais de retoma fortes", começou por dizer Manuel Caldeira Cabral esta terça-feira, 7 de Março.

 

"As empresas francesas deram um contributo para este sucesso, a França foi um dos mercados onde mais cresceram as exportações, foi um mercado de crescimento do turismo muito importante e tem sido um parceiro de investimento importantíssimo", destacou o governante à margem da 5ª conferência franco-portuguesa em Lisboa.

 

Caldeira Cabral deu o exemplo da Renault, da PSA e da Mecachrome, que estão a investir para expandir a sua produção. "Os grandes grupos franceses presentes em Portugal estão todos a fazer reforço da sua capacidade de produção e estão a fazer investimentos, não se limitam a comprar activos".

 

Perante mais de uma centena de gestores e empresários portugueses e franceses, o ministro reforçou a importância da empresas gaulesas. "Estes investimentos criam empregos, e aumentam a capacidade de produção e de exportação do país. Estas empresas estão a demonstrar por parte dos franceses uma enorme confiança no nosso país".




pub