Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dívida espanhola deverá alcançar 100% do PIB em 2014

O Governo de Espanha já aprovou o Orçamento do Estado para 2014, que foi esta segunda-feira remetido para o parlamento. Nas contas do Estado para o próximo ano, o Executivo de Rajoy prevê que a dívida pública de Espanha atinja os 99,8% do PIB, dois anos antes do inicialmente previsto, e ultrapasse pela primeira vez um bilião de euros.

Inês Balreira inesbalreira@negocios.pt 30 de Setembro de 2013 às 13:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O ministro das Finanças de Espanha, Cristóbal Montoro, remeteu esta segunda-feira o Orçamento do Estado para o parlamento, depois de ter sido aprovado em Conselho de Ministros na última sexta-feira.

 

De acordo com os números avançados pelo Executivo para o próximo ano, a dívida pública de Espanha deverá atingir os 99,8% do PIB, um valor que o próprio Governo esperava alcançar apenas em 2016, segundo o plano de estabilidade que foi remetido para Bruxelas no final de Abril.

 

Em termos monetários, significa que a dívida espanhola vai ultrapassar pela primeira vez a barreira de um bilião de euros em 2014. Para este ano, o Governo aponta para que a dívida atinja 94,2% do PIB, refere o jornal espanhol “El País”.

 

Com o nível de endividamento projectado para o próximo ano, o Executivo de Mariano Rajoy vai ter de recorrer aos mercados com mais intensidade para se financiar. O Governo de Espanha prevê, assim, emissão de dívida no valor de 243.888 milhões de euros, maioritariamente em Bilhetes do Tesouro. O volume de emissão de dívida estimado para este ano situa-se em 207.174 milhões de euros.

 

No que concerne aos juros da dívida, o Tesouro estima que os pagamentos ascendam a 36.590 milhões de euros em 2014.

 

Apesar de estimar um aumento da dívida para o próximo ano, o Executivo conservador de Mariano Rajoy aponta para um avanço de 0,7% do PIB, com um crescimento do consumo privado, do investimento, das exportações e das importações.

Ver comentários
Saber mais Espanha dívida Mariano Rajoy OE 2014
Outras Notícias