Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acordo UE-Mercosul: exportadoras “esfregam as mãos” com apagão nas taxas aduaneiras

O acordo beneficia 1.786 empresas portuguesas que já vendem para os quatro países do Mercosul e abre o mercado a outras que tinham taxas proibitivas, do vestuário ao software. Setor agroalimentar será o mais penalizado.

António Larguesa alarguesa@negocios.pt 05 de Julho de 2019 às 10:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Há 1.786 empresas portuguesas que exportam para os quatro países do Mercosul - Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, das quais 87% são pequenas e médias (PME). Em teoria, esta é a base de potenciais beneficiárias do mais recente acordo comercial firmado pela União Europeia (UE), que começou a ser negociado há duas décadas e que envolve 780 milhões de consumidores.

O ministro dos Negócios Estrangeiros,...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais comércio exportação união europeia mercosul brasil vinho vestuário tecnologia indústria automóvel agroalimentar
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias