Desporto Benfica deixa de figurar no Top 50 das marcas de futebol mais valiosas

Benfica deixa de figurar no Top 50 das marcas de futebol mais valiosas

Em 2017, o Benfica não surge na lista das 50 marcas de clubes de futebol mais valiosas feita pela consultora Brand Finance, quando em 2016 aparecia na posição 47. O Real Madrid tornou-se a marca mais poderosa.
Benfica deixa de figurar no Top 50 das marcas de futebol mais valiosas
Paulo Calado
David Santiago 06 de junho de 2017 às 10:40

No ano passado, o Benfica aparecia no 47.º lugar na lista das marcas mais valiosas feita pela consultora Brand Finance, contudo o clube português já não consta na lista actualizada de 2017. Tendo em conta os dados fornecidos pela Brand Finance, o valor da marca Benfica tem vindo a recuar nos últimos anos, tendo caído de 103 milhões de dólares em 2015 (posição 40) para 94 milhões em 2016. Não há dados disponíveis relativos aos benfiquistas na lista de 2017, divulgada esta terça-feira, 6 de Junho.

 

Em 2017, esta lista continua a ser liderada pelo Manchester United, com uma marca avaliada em 1.733 milhões de dólares, num pódio que permanece inalterado relativamente ao ano anterior. O Real Madrid e o Barcelona continuam na segunda e terceira posições, com marcas avaliadas em 1.419 milhões e 1.418 milhões de dólares, respectivamente.

 

Uma das maiores valorizações foi conseguida pelo Chelsea, que no ano em que se sagrou campeão inglês viu a sua marca valorizar de 776 milhões de dólares, em 2016, para 1.248 milhões de dólares. O Bayern de Munique continua no quinto lugar com uma marca avaliada em 1.222 milhões de dólares.


Em termos gerais, verifica-se que a generalidade dos clubes viram as suas marcas valorizarem entre 2016 e 2017, numa lista que integra as 50 mais valiosas marcas de clubes do futebol europeu. A lista é dominada por clubes ingleses, surgindo várias equipas dos campeonatos de Espanha e da Alemanha. Há ainda quatro clubes franceses, um russo (Zenit de São Petersburgo) e um holandês (Ajax). 

 

Real Madrid torna-se a marca mais poderosa


Os espanhóis onde joga Cristiano Ronaldo suplantaram os rivais do Barcelona como a marca mais poderosa do futebol do Velho Continente. Num índice cuja pontuação máxima é de 100 pontos, os madrilenos alcançaram 96,1 pontos, à frente dos catalães que somam 95,4 pontos.


O Bayern de Munique mantém-se como a terceira marca mais poderosa (92,1 pontos), à frente do Manchester United (91,4 pontos) e da Juventus (90,5 pontos, com os italianos a subirem uma posição).

 

No Top 10 das marcas mais poderosas figuram ainda mais quatro equipas inglesas e uma francesa, nomeadamente o Liverpool (88,4 pontos), o Arsenal (88,3 pontos), o Chelsea (87,9 pontos), o Manchester City (84,9 pontos), e, por fim, o Paris-Saint Germain (82,7 pontos). 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI