Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Turistas estrangeiros deixaram 28 milhões por dia em Portugal até Julho

O saldo turístico fixou-se nos quatro mil milhões de euros nos primeiros sete meses do ano. O ritmo de crescimento das receitas é superior à evolução registada no número de dormidas.

Bruno Simão
Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 21 de Setembro de 2015 às 13:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...

As receitas turísticas internacionais atingiram os seis mil milhões de euros nos primeiros sete meses do ano, crescendo 12,2% face a igual período do ano passado. Os dados foram divulgados esta segunda-feira, 21 de Setembro, pelo Banco de Portugal.

No período analisado, o saldo turístico rondou os quatro mil milhões de euros, um valor superior em 14,1% ao registado entre Janeiro e Julho de 2014.

As receitas geradas pelos turistas internacionais nos primeiros sete meses do ano crescem assim a um ritmo superior ao da evolução do número de dormidas de estrangeiros (7,3%) anunciado recentemente pelo Instituto Nacional de Estatística.

Até Julho, os turistas internacionais deixaram mais de 28 milhões de euros por dia em Portugal, o que significa 314 euros por cada turista. No mesmo período de 2014 tinham deixado 25 milhões de euros diários.

"O nosso crescimento turístico não está a ser feito à custa de baixos preços", reagiu o secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes a estes indicadores.

Ao Negócios, Mesquita Nunes destacou ainda que se assiste hoje a um "reforço da competitividade" das empresas do sector na sequência das "políticas de liberalização" adoptadas pelo Executivo que integra.

Um dos objectivos passa por continuar a "crescer em receitas acima dos principais concorrentes". Os dados disponibilizados pelo Ministério da Economia mostram que as receitas do turismo internacional em Espanha cresceram cerca de 3% até Junho, quatro vezes menos do que em Portugal.

(Notícia corrigida às 16h10, com indicação de que o valor de 28 milhões de euros é diário e os 314 euros são por turista)

Ver comentários
Saber mais Banco de Portugal Instituto Nacional de Estatística Adolfo Mesquita Nunes Negócios Ministério da Economia economia negócios e finanças turismo economia (geral)
Outras Notícias