Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fórum para a Competitividade prevê subida do PIB de 2,1% no primeiro trimestre

Mesmo no cenário mais pessimista, a economia deverá voltar a crescer no início de 2017, A instituição liderada por Ferraz da Costa acredita que será o PIB deverá crescer pelo 12.º trimestre seguido.

Miguel Baltazar
  • Partilhar artigo
  • 51
  • ...
O Fórum para a Competitividade estima que a economia cresça 2,1% nos primeiros três meses de 2017 em relação ao mesmo período do ano anterior. A previsão consta da nota de conjuntura que revela que mesmo que se concretize o cenário mais negativo "com uma grande probabilidade, o PIB crescerá pelo 12º trimestre consecutivo".

"Os dados já disponíveis para o primeiro trimestre apontam de novo para uma aceleração da actividade económica, ainda que menos acentuada do que na segunda metade de 2016", lê-se na nota de conjuntura da instituição liderada por Pedro Ferraz da Costa. 

O economista Ricardo Santos - responsável pela parte da nota de conjuntura do Fórum que respeita à previsão de crescimento para o primeiro trimestre - calcula que as informações já disponibilizadas pelo Insitituto Nacional de Estatística (INE), Banco de Portugal e Comissão Europeia "apontam para uma aceleração do crescimento do PIB no primeiro trimestre para 2,1% em termos homólogos, o que equivale a uma expansão de 0,4% em cadeia, e ligeiramente acima do esperado pela Comissão Europeia (2,0% em termos homólogos e 0,3% em cadeia)".

"Este é o ponto central da estimativa do Fórum para a Competitividade", afirmam. O Fórum para a Competitividade revela que "mesmo o cenário mais negativo, em que a expansão do PIB desacelera para 1,9% corresponde a uma expansão de 0,2% no primeiro trimestre".

"Ou seja, com uma grande probabilidade, o PIB crescerá pelo 12.º trimestre consecutivo", antecipa o Fórum para a Competitividade.

No último trimestre do ano passado, o PIB acelerou de 1,7% para 2% em termos homólogos, tendo, no conjunto do ano, desacelerado dos 1,6% de 2015 para 1,4%. A taxa de variação em cadeia, que mede o andamento da economia em relação ao terceiro trimestre, foi de 0,4%, o que compara com 0,6% registados nos três meses anteriores.

"O bom resultado do último trimestre deve-se ao investimento, que deixou de cair e passou a subir, em quase todas as suas componentes", acrescenta o Fórum para a Competitividade.No entanto, deverão ser as exportações a liderar o processo de retoma económica.


Negócios explica crescimento do PIB
A carregar o vídeo ...
O Negócios esteve em directo no Facebook a explicar o que fez crescer o PIB no quarto trimestre de 2016.
Ver comentários
Saber mais PIB Fórum para a Competitividade investimento INE Comissão Europeia Banco de Portugal
Outras Notícias