Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inglaterra regressa ao confinamento total durante seis semanas

Inglaterra vai voltar a uma situação de confinamento total a partir desta terça-feira, 5 de janeiro, anunciou o primeiro-ministro.

Negócios jng@negocios.pt 04 de Janeiro de 2021 às 20:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
Inglaterra vair voltar a um confinamento total durante seis semanas já a partir desta terça-feira, 5 de janeiro, anunciou esta segunda-feira, numa comunicação ao país, o primeiro-ministro britânico.

"A nova variante do coronavírus é 50 a 70% mais transmissível do que a anterior", avançou Boris Johson.

O confinamento é decretado após sucessivos recordes diários no número de novos contágios, acima dos 50 mil, que levam a que o Reino Unido some já mais de 2,7 milhões de casos desde o início da pandemia e dos quais resultaram 75.431 vítimas mortais.

A medida implica que as escolas primárias, secundárias e universidades passem já amanhã para um regime de ensino à distância. Apenas as creches continuarão abertas.

Johnson manifestou o desejo de que as escolas possam reabrir em meados de fevereiro, altura em que, antecipa, deverão ser levantadas as restrições mais duras.

O confinamento prevê que as pessoas permaneçam em casa exceto por cinco motivos:

- para trabalhar, nos casos em que o teletrabalho não seja possível;
- para comprar bens de primeira necessidade;
- para fazer exercício uma vez por dia;
- para prestar cuidados e dar assistência a pessoas vulneráveis;
- para ir a consultas médicas, receber assistência médica, realizar testes ao coronavírus ou para fugir de uma situação de perigo ou violência
Ver comentários
Saber mais Reino Unido covid confinamento
Outras Notícias