Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Espanha: Referendar a independência da Catalunha equivale a golpe de Estado

O ministro dos Negócios Estrangeiros de Espanha avançou que tomará a iniciativa de anular qualquer referendo à independência da Catalunha, já que tal iniciativa seria correspondente a um golpe de Estado.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 12 de Novembro de 2012 às 15:08
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
O ministro dos Negócios Estrangeiros de Espanha, José Manuel Garcia-Margallo, adiantou que impediria a realização de um referendo à independência da Catalunha. A iniciativa, que é um compromisso eleitoral do candidato à presidência do governo regional, corresponde a um golpe de Estado.

Qualquer plebiscito seria “claramente ilegal, um golpe de Estado em termos legais”, especificou o ministro em entrevista à rádio Cope, citada pela agência Bloomberg.

Artur Mas, presidente do governo regional com sede em Barcelona que está a concorrer para a reeleição, assumiu o compromisso eleitoral de levar os catalães a votar sobre a independência da região. A iniciativa já foram considerada inconstitucional pelo primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy.
Ver comentários
Saber mais Espanha Catalunha independência
Outras Notícias