Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PS quer reduzir prazos para empresas resolverem desigualdade salarial entre homens e mulheres

A proposta de lei, que vai ser votada esta quarta-feira, segue sobretudo com alterações ao nível dos prazos. As empresas vão ter menos tempo para avaliar e actuar sobre situações de desigualdade salarial entre homens e mulheres.

Todos os partidos, com excepção do PSD, defenderam a aprovação de uma nova lei para a publicação da lista. O Bloco diz que não é necessária uma nova lei.
Ana Batalha Oliveira anabatalha@negocios.pt 10 de Julho de 2018 às 21:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Governo cedeu às propostas de alteração do Bloco de Esquerda, que quis limar o diploma para a promoção da igualdade remuneratória entre mulheres e homens, por trabalho igual ou de igual valor. Assim, vários dos prazos previstos inicialmente saem encurtados na proposta de lei que será votada esta quarta-feira na especialidade, e que deverá voltar ao plenário para votação final global no próximo

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Governo Bloco de Esquerda Parlamento Autoridade para as Condições de Trabalho PS política pariidade igualdade de género
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias