Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Partido de Macron acentua vantagem nas sondagens para as eleições legislativas

Seis em cada dez franceses desejam que Macron obtenha uma maioria na Assembleia Nacional, apesar de apenas 23% quererem que seja uma maioria absoluta e 37% que haja uma coligação.

Macron
Reuters
Lusa 18 de Maio de 2017 às 09:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A República em Marcha, o partido do presidente francês, Emmanuel Macron, obteria 32% dos votos na primeira volta das legislativas do próximo mês de Junho, mais três pontos do que há uma semana, segunda uma sondagem hoje publicada.

Os conservadores dos Republicanos e a Frente Nacional viram reduzida a intenção de voto em um ponto, para 19%, de acordo com uma sondagem do Instituto Harris Interactive.

A vantagem do partido de Macron é de seis pontos relativamente à sondagem publicada há dez dias pelo mesmo instituto, enquanto a queda dos seus principais rivais nesse período foi de três pontos.

Seis em cada dez franceses desejam que Macron obtenha uma maioria na Assembleia Nacional, apesar de apenas 23% quererem que seja uma maioria absoluta e 37% que haja uma coligação.

De acordo com a sondagem, vinte por cento dos eleitores querem que haja um pacto à esquerda e 17% com a direita.

Os candidatos esquerdistas de Jean-Luc Mélenchon obtiveram 15% dos sufrágios na primeira volta que terá lugar a 11 de Junho, um ponto mais do que previa a sondagem de há uma semana.

O Partido Socialista, maioritário agora na câmara baixa, vê cair um ponto nas intenções de voto, até 6%.

Os ecologistas obtiveram 3%, o mesmo resultado que os soberanistas de Nicolas Dupont-Aignan, que rompeu o acordo com Marine Le Pen antes da segunda volta das eleições presidenciais.
Ver comentários
Saber mais Emmanuel Macron eleições em França
Mais lidas
Outras Notícias