Finanças Públicas Corte na dívida traz mais PIB, mas menos prudência no défice
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Corte na dívida traz mais PIB, mas menos prudência no défice

Estudo de economistas do fundo de resgate defende que reduções nominais da dívida geram mais PIB, mas menor prudência no défice. Já extensões de maturidades ou juros mais baixos não têm efeito visível no crescimento.
Corte na dívida traz mais PIB, mas menos prudência no défice
Miguel Baltazar
Rui Peres Jorge 04 de janeiro de 2017 às 00:01

Uma redução do valor nominal da dívida pública detida pelo chamado sector oficial (governos ou instituições públicas como o FMI) pode acrescentar até 2% ao crescimento económico do paí

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI