Política Censura uniu esquerda e pôs PSD no papel de figurante
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Censura uniu esquerda e pôs PSD no papel de figurante

O debate era para censurar o Governo, porém serviu para unir a esquerda na crítica ao CDS. Seja como for, Cristas assumiu o papel principal e deixou para o PSD o lugar de figurante.
Censura uniu esquerda e pôs PSD no papel de figurante
Lusa
David Santiago 20 de fevereiro de 2019 às 22:36

Mesmo chumbada, a moção de censura do CDS ao Governo produziu efeitos diversos: colocou a líder Assunção Cristas no centro do debate político, para o bem e para o mal; apaziguou uma esquerda que evidenciava

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI