Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Costa e Centeno reunidos em São Bento

A reunião acontece num dia em que se acentuou a polémica em torno da transferência para Novo Banco, com o Presidente da República a colocar-se ao lado do primeiro-ministro.

Bancos já estão a disponibilizar moratórias no crédito através dos seus sites.
Tiago Petinga/Lusa
Negócios jng@negocios.pt 13 de Maio de 2020 às 21:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 19
  • ...

O primeiro-ministro, António Costa, e o ministro das Finanças, Mário Centeno, estão reunidos desde o início da noite desta quarta-feira, em São Bento, num dia em que se acentuou a polémica em torno da transferência para Novo Banco.

A informação está a ser avançada pela RTP, que dá conta de que os dois membros do Executivo estão reunidos na residência oficial do primeiro-ministro. O encontro não estava agendado.

 

A polémica em torno do Novo Banco teve início no debate quinzenal da semana passada, quando após ter garantido que não seria feita nenhuma transferência para o banco sem que estivesse concluída a auditoria à instituição, o primeiro-ministro, António Costa, foi obrigado a pedir desculpa ao Bloco de Esquerda (que havia interpelado o Governo sobre o assunto) por ter dado uma informação errada.

É que, tal como noticiara o Expresso, na véspera da garantia dada por Costa no Parlamento, o Ministério das Finanças tinha feito a transferência de 850 milhões de euros para o Novo Banco.

Centeno começou por falar numa "falha de comunicação" com Costa, porém esta quarta-feira garantiu que a transferência não tinha sido feita à revelia de ninguém. 

Já depois da declaração de Centeno, o Presidente da República veio hoje defender Costa ao sustentar que não devia ter sido feita qualquer transferência antes de estar concluída a auditoria que o próprio Marcelo Rebelo de Sousa pediu ainda em 2019. 

 

O líder do PSD, Rui Rio, já pediu a demissão de Centeno.

Ver comentários
Saber mais António Costa Mário Centeno Novo Banco
Mais lidas
Outras Notícias