Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Comprador do Finibanco Angola só pagou 1,2 milhões

A venda do banco ao BNI Angola por 26 milhões foi anunciada em 2015 por Tomás Correia, então presidente da Associação Mutualista Montepio. O negócio nunca se concretizou e a mutualista já voltou a consolidar a instituição nas suas contas.

Tomás Correia anunciou em 2015 o negócio da venda. Vítor Chi
Diana Ramos dianaramos@negocios.pt 15 de Setembro de 2021 às 23:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

O negócio foi anunciado em 2015 por Tomás Correia (na foto), então presidente da Associação Mutualista Montepio. A mutualista vendia 30,57% do Finibanco Angola a “parceiros locais” por 26 milhões de dólares, o equivalente atualmente a 22 milhões de euros. O BNI Angola, de Mário Palhares, foi apontado como o comprador, mas o pagamento nunca chegou na totalidade à instituição portuguesa.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Finibanco Angola SA Tomás Correia Mário Palhares BNI Banco Montepio Angola José Guilherme Portugal banca
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias