Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Estado já pode entrar no capital do Novo Banco

O Novo Banco já conseguiu um reembolso de 154 milhões de euros pelo regime especial aplicável aos activos por impostos diferidos. Em contrapartida, já emitiu direitos de conversão em acções a favor do Estado.

# Porque Entra - António Ramalho entrou no Novo Banco para o vender. Conseguiu uma operação de gestão de passivo, com recompras de dívida por investidores. E esse foi um passo para vender 75% do Novo Banco. Ramalho fica como um dos rostos da alienação. Apesar de ainda pesar para o Fundo de Resolução, o Novo Banco está no caminho da recuperação. Os créditos novos e a gestão dos 'velhos' fazem de Ramalho um importante 'player', e com isso entra na lista dos Mais Poderosos.
Miguel Baltazar
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 20 de Dezembro de 2018 às 22:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O Estado já pode entrar no capital do Novo Banco por via do regime especial criado para os activos por impostos diferidos. Só que a Lone Star e o Fundo de Resolução, enquanto accionistas da instituição, podem querer ficar com essa posição. Até porque o Estado não a quer.

Segundo a Interbolsa, em Outubro do ano passado foram emitidos direitos de conversão em acções do Novo Banco para atribuiç...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Novo Banco António Ramalho BES activos por impostos diferidos; Fisco
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias