Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inquérito ao Banif quer documentos do BdP sem partes rasuradas

O Bloco de Esquerda pede ao regulador que reenvie minutas para o Parlamento desta vez sem os documentos rasurados. O PS quer conhecer as alternativas à capitalização em 2013.

Miguel Baltazar
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 13 de Abril de 2016 às 18:43
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banco de Portugal enviou alguma documentação à comissão de inquérito, nomeadamente troca de informações com a Autoridade Bancária Europeia (EBA, na sigla original) e o Banco Central Europeu (BCE). Também há minutas das reuniões de conselhos de governadores. Mas todas vêm rasuradas e com frases tapadas. Os deputados não gostaram. Querem tudo enviado novamente.

 

A proposta vem da deputada bloquista Mariana Mortágua mas os restantes partidos apoiam: "Não existe nenhuma razão para não serem enviadas, na sua totalidade à Assembleia da República". Segundo a deputada, há "páginas inteiras com fitas pretas, impossibilitando qualquer leitura do documento".

 

Daí que o BE avance com um requerimento. O objectivo: "Para que o Banco de Portugal reenvie toda a documentação mas sem qualquer tipo – não quero chamar de censura – de limitação". Em reuniões deste género – como é o caso do conselho de governadores do BCE – foram tomadas decisões relativas ao Banif, que foi alvo de uma medida de resolução a 20 de Dezembro de 2015, com venda ao Santander Totta de parte da actividade bancária.

 

BdP ainda não enviou cenários alternativos

 

Um documento que não foi enviado, ressalvou o Partido Socialista, foi o dos cenários alternativos à capitalização, com 1,1 mil milhões de euros públicos em 2013. 

 

Na semana passada, Carlos Costa tinha-se comprometido a enviar estes elementos. Mas os documentos não chegaram, disse Eurico Brilhante Dias, pedindo para que haja uma nova solicitação.

Ver comentários
Saber mais Banco de Portugal Banco Central Europeu Assembleia da República Partido Socialista Carlos Costa economia (geral) política banco central economia negócios e finanças Parlamento inquérito Banif
Mais lidas
Outras Notícias