Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Banca nacional compra três empresas têxteis

Aquisição pelo Fundo de Reestruturação evita falência das três empresas do Norte que empregam 2.000 trabalhadores.

Negócios negocios@negocios.pt 17 de Maio de 2011 às 09:56
  • Assine já 1€/1 mês
  • 8
  • ...
O Fundo de Reestruturação detido pelos cinco principais bancos portugueses e que conta ainda com uma participação directa do Estado de 8% comprou a Coelima, a António Almeida & Filhos e a José Machado de Almeida. Com esta aquisição evitou-se a falência das três empresas, dando origem ao maior grupo no segmento dos têxteis-lar, de acordo com o “Público” e o “Diário Económico”.

As três empresas vão manter por enquanto as estruturas industriais autónomas, mas os sindicatos temem a redução dos postos de trabalho, uma hipótese que não foi descartada pela MoreTextile, a nova dona das três empresas. Ao “Diário Económico”, fonte oficial da MoreTextile disse que “será necessária a realização de ajustamentos para responder às efectivas necessidades do mercado e garantir a sustentabilidade das empresas”.

As três empresas situadas no Norte do País facturam mais de 100 milhões de euros e empregam 2.000 pessoas. Segundo a nova holding comum, as empresas foram penalizadas pela concorrência dos países asiáticos e pela subida dos custos de produção.

O Fundo de Reestruturação é um veículo de capital de risco com uma dotação orçamental de 740 milhões de euros e que já conta com mais de uma dezena de empresas no seu portfolio. Entre elas a Aerosoles, já transformada na Move On.

Ver comentários
Saber mais empresas têxtil banca
Mais lidas
Outras Notícias