Empresas Filho de Alexandre Soares dos Santos sai da administração da Jerónimo Martins

Filho de Alexandre Soares dos Santos sai da administração da Jerónimo Martins

José Soares dos Santos era responsável pela área industrial da SGPS e presidente da parceria Unilever Jerónimo Martins. Fora da área empresarial, é administrador da Fundação Francisco Manuel dos Santos.
Filho de Alexandre Soares dos Santos sai da administração da Jerónimo Martins
Miguel Baltazar/Negócios
Isabel Aveiro 10 de março de 2015 às 19:14

José Soares dos Santos, até agora administrador da Jerónimo Martins SGPS com o pelouro industrial e de serviços de marketing, representações e restauração, renunciou ao cargo, anunciou esta terça-feira a SGPS ao mercado.

 

"Por carta datada de 3 de Março de 2015, José Manuel da Silveira e Castro Soares dos Santos renunciou ao cargo de administrador da sociedade", avança a comunicação do grupo de distribuição divulgada após o fecho da sessão.

 

"O conselho de administração", liderado pelo irmão Pedro Soares dos Santos (presidente e administrador-delegado da JM SGPS), manifesta "o seu reconhecimento pela forma empenhada, profissional e competente como José Manuel da Silveira e Castro Soares dos Santos exerceu as funções de administrador durante os diversos mandatos para que foi eleito".

 

Não é avançado, no comunicado, se o conselho de administração da JM SGPS se mantém com menos um membro, uma vez que não é mencionada a substituição de José Soares dos Santos – administrador da JM desde 1995, e com funções executivas desde 2004. O conselho de administração da JM SGPS contava, até hoje, com nove elementos.

 

José Manuel Soares dos Santos, 52 anos, filho de Alexandre Soares dos Santos, tinha, até agora, a responsabilidade, na administração da SGPS, da parceria industrial da JM com a anglo-holandesa Unilever, que dura há 66 anos em Portugal. A Unilever Jerónimo Martins (UJM) é detida em 55% pela primeira e em 45% pelo grupo de distribuição português e é presidida por José Soares dos Santos.

 

A Gallo Worldwide, dona da marca de azeites com o mesmo nome, que foi autonomizada da UJM, tem a mesma divisão accionista e a mesma presidência.

 

Actualmente, e fora do universo empresarial, o gestor está na administração da Fundação Francisco Manuel dos Santos, instituição criada por Alexandre Soares dos Santos – líder histórico do grupo Jerónimo Martins e da família que controla a SGPS (56%), através da Sociedade Francisco Manuel dos Santos.

 

A Jerónimo Martins fechou a sessão desta terça-feira, 10 de Março, a perder 1,41% para 10,80 euros.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI