Empresas Lucros da Haier sobem 20% em 2015

Lucros da Haier sobem 20% em 2015

A maior fabricante de electrodomésticos chinesa registou menos 6% das vendas mas conseguiu melhorar o resultado líquido. Nos últimos anos, tem tentado torna-se numa incubadora de inovação.
Lucros da Haier sobem 20% em 2015
Bloomberg
Ana Serafim 25 de janeiro de 2016 às 12:20

Os lucros da Haier, a maior fabricante chinesa de electrodomésticos, subiram 20% em 2015, face ao desempenho de 2014, para 18 mil milhões de yuans (2,5 mil milhões de euros), apesar da quebra nas vendas.

No ano passado, a fabricante chinesa registou vendas globais de 188,7 mil milhões de yuans (26,6 mil milhões de euros), menos 6% do que no exercício anterior, devido à crise económica mundial e a ajustamentos no negócio, noticia esta segunda-feira, 25 de Janeiro, o China Daily, citando o presidente rotativo da Haier, Zhou Yunjie.

Segundo a Xinhua, a agência noticiosa oficial da China, a Haier tem vindo a introduzir alterações na sua estrutura corporativa, de forma a tornar-se numa plataforma mais aberta, para a qual as pessoas possam trazer as suas próprias ideias e recursos com o objectivo de desenvolver novos produtos, explicitou o chairman, Zhang Ruimin, no encontro anual da Haier.

Na última década, a companhia dispensou mais de 20 mil gestores intermédios, e tem tentado transformar-se numa incubadora de inovação, salientou o responsável.

Em meados de Janeiro, a Haier chegou a acordo com a General Electric para comprar a unidade de electrodomésticos industriais à gigante norte-americana, por 5,4 mil milhões de dólares (4,9 mil milhões de euros).

A fabricante chinesa controla mais de 10% das vendas mundiais de electrodomésticos, segundo um estudo da Euromonitor de 2014.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI