Empresas Lusiaves abre 50 vagas de emprego para pessoas de Pedrógão Grande

Lusiaves abre 50 vagas de emprego para pessoas de Pedrógão Grande

O grupo Lusiaves abriu 50 vagas de emprego dirigidas à população de Pedrógão Grande, disponíveis de imediato nas respectivas unidades da Figueira da Foz e de Monte Redondo. Grupo garante possibilidade de transporte diário.
Lusiaves abre 50 vagas de emprego para pessoas de Pedrógão Grande
Vítor Mota/Correio da Manhã
Negócios 23 de junho de 2017 às 19:24

Em comunicado enviado esta sexta-feira, 23 de Junho, às redacções o grupo Lusiaves revela ter aberto 50 vagas de emprego direccionadas à população de Pedrógão Grande, fortemente afectada pelo incêndio que deflagrou naquela região no passado sábado.

 

A empresa refere ainda que as vagas estão disponíveis de imediato e que garante a possibilidade de transporte para as unidades da Lusiaves situadas na Figueira da Foz e em Monte Redondo.

 

O grupo fundado na Marinha das Ondas, Figueira da Foz, explica ter aberto estas vagas na sequência da perda de cerca de 200 postos de trabalho provocados pelo incêndio que deflagrou no sábado passado em Pedrógão Grande.

 

Na nota enviada à comunicação social, a Lusiaves realça ter já doado 200 sacos de ração alimentar para os animais da região afectada pelo incêndio do último fim-de-semana.

 

O grupo diz reconhecer "que deve ter um papel activo na melhoria das comunidades locais, nomeadamente no que se refere à criação de emprego e dinamização das regiões tendencialmente mais rurais".

 

E acrescenta que "na matéria da prevenção e do combate a incêndios, o Grupo manifestou, desde sempre, uma preocupação proactiva, que tem conduzido, ao longo dos anos, ao estabelecimento de diversos protocolos de cooperação com corporações de bombeiros das regiões onde tem a sua actividade instalada".

 

A Lusiaves detém actualmente mais de 1.500 trabalhadores e a sua actividade reparte-se entre "a recria de galinhas reprodutoras, passando pela produção de ovos com a respectiva incubação e produção de pintos, à produção avícola de frango, frango do campo e perus, assim como o abate de aves e a sua transformação".




pub