Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP poupa 19,4 milhões ao reduzir dívidas ao Estado

O Diário de Notícias dá conta que a eléctrica liderada por António Mexia vai manter os contenciosos contra os contribuintes mesmo tendo aderido a um programa especial que lhe permitiu poupanças.

Negócios 20 de Março de 2017 às 09:50
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

A EDP poupou 19,4 milhões de euros em juros com a adesão ao programa especial de redução do endividamento ao Estado (PERES), escreve o Diário de Notícias desta segunda-feira, 20 de Março.

Segundo o relatório e contas da EDP de 2016, a decisão de aderir ao PERES permitiu à empresa evitar o pagamento de 19,4 milhões de euros em juros por dívidas fiscais reclamadas pelo Estado.

"Após uma análise detalhada, o grupo EDP optou por aderir a este regime excepcional, mediante um pagamento total de cerca de 57.342 milhares de euros, o que implicou uma redução das contingências fiscais classificadas como possíveis em 76.727 milhares de euros", pode ler-se no documento.

O Diário de Notícias explica que a empresa liderada por António Mexia não precisou de se dar como culpada de ter dívidas ao Estado, mantendo os contenciosos contra os contribuintes apesar de já ter garantido a poupança.

Ver comentários
Saber mais Diário de Notícias PERES EDP António Mexia Estado economia negócios e finanças Informação sobre empresas grandes empresas
Mais lidas
Outras Notícias