Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PSI-20 valoriza pela terceira sessão consecutiva

As bolsas europeias estão mistas com o PSI-20 a destacar-se pela positiva. A praça nacional subiu com o contributo positivo da Jerónimo Martins e das cotadas do sector do papel.

Pedro Catarino/CM
Tiago Varzim tiagovarzim@negocios.pt 06 de Julho de 2018 às 16:39
  • Assine já 1€/1 mês
  • 61
  • ...
O PSI-20 subiu 0,55% para os 5.599,76 pontos, avançando pela terceira sessão consecutiva. Isto numa altura em que as bolsas europeias estão mistas com os índices gregos e italianos em queda. A praça lisboeta colheu ganhos à boleia da Jerónimo Martins, do sector do papel e da Ibersol. 

A bolsa nacional fechou a semana com mais uma sessão a valorizar. 12 cotadas subiram enquanto seis desceram. No total da semana, o PSI-20 valorizou 1,29%, arrancando assim de forma positiva o mês de Julho. 

Nas subidas o destaque vai para a recuperação da Jerónimo Martins que também está há três sessões a valorizar. No primeiro semestre a cotada tinha perdido 25% do seu valor em bolsa. As acções da retalhista subiram 1,91% para os 12,57 euros. 

Além disso, a Ibersol subiu 5,15% para os 12,25 euros por acção. Esta é a maior subida da cotada há mais de um ano. Esta valorização acontece após a empresa ter anunciado um aumento de capital de seis milhões de euros. As acções serão atribuídas gratuitamente aos accionistas da Ibersol, na proporção de uma nova acção por cada cinco acções detidas.

Nas cotadas do sector papel, a Semapa subiu 2,22% para os 23,05 euros, mas a Altri e a Navigator também valorizaram.

Por outro lado, o PSI-20 contou com o contributo negativo do BCP e do grupo EDP. A EDP Renováveis, apesar de ter renovado máximo na negociação intradiária, desvalorizou esta sexta-feira 0,76% para os 9,10 euros. Já o Banco Comercial Português deslizou 0,92% para os 25,76 cêntimos.

Na Europa, os índices negociaram perto da linha de água, mas ao final da tarde inclinaram-se para o verde. O Stoxx 600, o índice que agrega as 600 principais cotadas europeias, está a subir 0,12% para os 382,05 pontos. Uma das coisas que está a animar os investidores é a cedência de Angela Merkel. A chanceler alemã admite reduzir tarifas aos carros norte-americanos, o que poderá travar a ameaça de Donald Trump face ao sector automóvel europeu. 

(Notícia actualizada pela última vez às 17h02)
Ver comentários
Saber mais PSI-20 bolsa praça nacional ibersol bcp jerónimo martins
Mais lidas
Outras Notícias