Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Esta quarta-feira o instituto que gere a dívida pública deverá avançar com uma emissão sindicada a 15 anos.

Negócios jng@negocios.pt 01 de Julho de 2020 às 07:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Portugal avança com emissão sindicada a 15 anos

Portugal vai avançar com uma emissão sindicada de obrigações com maturidade em outubro de 2035, uma operação que deverá ocorrer esta quarta-feira.

De acordo com a informação adiantada ontem pela Bloomberg, o IGCP – instituto que gere a dívida pública – já contratou um sindicato bancário para colocar estes títulos. A agência de notícias não adiantou qual o montante da emissão nem a data, referindo apenas que a operação seria realizada "no curto prazo, sujeita às condições do mercado". Contudo, Portugal vai normalmente ao mercado às quartas-feiras, pelo que o mais provável é que a operação decorra já hoje.

 

Metro de Lisboa: Mota-Engil com preço mais baixo para obra Santos-Cais do Sodré

O consórcio da Mota-Engil superou, em preço, as propostas dos agrupamentos da Sacyr e da Ramalho Rosa/FCC para o segundo lote da futura linha circular. A Zagope, que venceu o primeiro lote, avançou com um valor acima do preço base.

 

O Metropolitano de Lisboa está a avaliar as propostas entregues referentes à execução.

 

Resposta à covid-19 a três velocidades

Portugal entra numa nova fase na sua resposta à pandemia. O país passa do estado de calamidade ao estado de alerta, a Área Metropolitana de Lisboa fica em estado de contingência e 19 freguesias da Área Metrololitana de Lisboa permanecem em estado de calamidade, com dever cívico de recolhimento.

 

O início do mês de julho deverá marcar a reabertura da fronteira terrestre com Espanha.

 

Atas da Fed e dados do emprego

Serão hoje conhecidas as atas da última reunião de política monetária da Reserva Federal dos Estados Unidos.

 

Ainda nos EUA, são divulgados vários indicadores económicos, que incluem um relatório da ADP sobre a evolução do mercado de trabalho no país, que permitem medir o pulso à maior economia do mundo.

 

Tesla brilha com novo máximo histórico

As ações da Tesla atingiram esta terça-feira um novo máximo histórico nos 1.087,69 dólares e a capitalização bolsista da empresa liderada por Elon Musk superou pela primeira vez a fasquia dos 200 mil milhões de dólares, alcançando os 200,6 mil milhões.

 

Desta forma, a Tesla aproximou-se da gigante Toyota, cuja capitalização bolsista é de 204,6 mil milhões de dólares, ameaçando tornar-se a fabricante automóvel mais valiosa do mundo. No fecho da sessão, a Tesla somou 6,98% para 1.079,81 dólares.

 

Ver comentários
Outras Notícias