Outros sites Cofina
Notícia

bp quer atingir a neutralidade carbónica até 2050

16 de Setembro de 2020 às 11:22
O Drive Target Neutral apoia vários programas como a proteção e plantação florestal na Zâmbia
O Drive Target Neutral apoia vários programas como a proteção e plantação florestal na Zâmbia
  • ...

A ambição da bp em ser agente das mudanças necessárias para tornar mais sustentável o planeta faz com que procure ser cada vez mais ecoeficiente, reduzindo e gerindo o impacto ambiental das suas operações. O ambiente e a gestão dos recursos naturais são hoje fatores de crescimento.

 

A petrolífera tem de dar uma resposta à altura das suas responsabilidades perante um dos maiores problemas da atualidade: as alterações climáticas. Por isso, em fevereiro anunciou que quer atingir a neutralidade carbónica (net zero) até 2050 e ajudar o mundo a alcançar o mesmo objetivo. Desde então, a pandemia de covid-19 mudou a vida além do que se poderia imaginar. No entanto, a crise reforçou a crença da bp em reinventar a energia e manter a ambição e os objetivos definidos em fevereiro.

 

Drive Carbon Neutral

 

Assim, desde o dia 22 de julho, os condutores em Portugal podem abastecer nos postos de abastecimento da bp e saber que as emissões dos seus combustíveis serão compensadas. A empresa irá compensar as emissões de carbono do gasóleo, gasolina e GPL através do bp Target Neutral, utilizando créditos de carbono gerados a partir de projetos globais que financiam a utilização de energias renováveis, baixo carbono e a proteção das florestas.

 

"Este programa é disponibilizado a todos os clientes que adquiram qualquer um dos nossos combustíveis e pode ajudar a compensar mais de 2 milhões de toneladas de carbono por ano, o equivalente a retirar cerca de 400.000 carros das estradas. Os condutores não precisam de subscrever, comprar um combustível especial ou aderir a um programa de fidelização, precisam apenas de abastecer na bp", explica Pedro Oliveira, presidente da bp Portugal.

 

A bp tem plena consciência de que os seus clientes desejam reduzir as emissões de carbono, mas é incontornável que há momentos em que é preciso conduzir, seja nas deslocações para o trabalho, ir às compras ou visitar amigos e familiares. O programa Drive Carbon Neutral ajuda os clientes bp "a agir face ao carbono e a desempenhar o seu papel na jornada do mundo para a neutralidade carbónica". "É com grande entusiasmo que a bp é a primeira marca de combustíveis a desenvolver este programa em Portugal, no mesmo ano em que alcança os 500 postos de abastecimento. Isto reforça a nossa liderança em inovação e crescimento sustentável do negócio no nosso país", acrescenta o presidente da bp Portugal.

 

Pedro Oliveira destaca ainda o trabalho que está a ser feito na bp para ajudar os clientes a gerir a transição para baixo carbono: "Os combustíveis avançados bp Ultimate com tecnologia ACTIVE oferecem já mais eficiência para veículos, ajudando os condutores a utilizar menos combustível por viagem. Temos também uma parceria com a EDP para o carregamento elétrico nos nossos postos, em linha com os objetivos do programa Drive Carbon Neutral."

 

Projetos bp Target Neutral

 

No que diz respeito ao bp Target Neutral, que desde 2006 ajuda pessoas e empresas a reduzir, substituir e neutralizar as suas emissões de carbono, Andrea Abrahams, a diretora, explica que os créditos de carbono da empresa provêm de projetos de redução de carbono que são verificados e selecionados de forma independente por um painel de ONG. "Ao longo dos últimos 14 anos ajudámos clientes a compensar seis milhões de toneladas de carbono, angariando mais de 24 milhões de euros para projetos de redução de carbono em todo o mundo", assegura.

 

Andrea Abrahams conta que os condutores que beneficiam do programa Drive Target Neutral em Portugal estarão a apoiar uma série de programas que incluem atualmente um projeto de instalação de fogões eficientes no México e um projeto de proteção e plantação florestal na Zâmbia. "Estes projetos não só reduzem as emissões de carbono como também proporcionam benefícios de subsistência em linha com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU". No ano passado – continua a responsável – a bp apoiou um portefólio que ajudou "mais de 1,2 milhões de pessoas no acesso a melhores cuidados de saúde, providenciou formação e educação a mais de 8.000 pessoas e protegeu mais de 40.000 hectares de floresta, muito significativos a nível mundial."

 

Aposta no futuro

A bp tem vindo a trabalhar incessantemente para criar produtos com consumos mais eficientes com vista à redução de emissões de carbono e à criação de soluções energéticas alternativas. Com 91 anos em Portugal, a bp tem inovado e assegura a sua contribuição para a mobilidade sustentável, através da comercialização de combustíveis de alta qualidade, com formulações específicas e diferenciadas e na aposta na mobilidade elétrica com a instalação de postos de carregamento no nosso país.

Empenhada em acompanhar as metas do advance low carbon transition, a bp tornou-se num "player" líder das soluções de mobilidade do futuro, garantindo produtos e serviços que atendam às necessidades em mudança dos consumidores. A empresa tem investido na investigação de novas formas de mobilidade, desde os carros elétricos aos autónomos, passando pela necessidade de energia mais limpa para esses veículos. É também um "player" mundial ao nível das eólicas, dos biocombustíveis e do gás natural. Comprou ainda o maior promotor de projetos solares – Lightsource – na Europa e tem uma posição na agenda da mobilidade elétrica.

Mais notícias