Autarquias Vive em Lisboa? Saiba quanto paga à câmara e para onde vai o dinheiro

Vive em Lisboa? Saiba quanto paga à câmara e para onde vai o dinheiro

A Câmara de Lisboa lançou um simulador que permite calcular, com base no seu rendimento e em outros elementos, quanto é que paga em impostos e taxas para o município. "O Meu Orçamento" mostra também para onde vai o seu dinheiro.
Vive em Lisboa? Saiba quanto paga à câmara e para onde vai o dinheiro
Pedro Catarino
Susana Paula 26 de novembro de 2019 às 12:30
Quer saber quanto é que dos impostos e taxas que paga vai diretamente para a Câmara de Lisboa? Pode fazê-lo aqui. O 'Meu Orçamento' é um simulador lançado pela autarquia onde os munícipes podem perceber qual é a sua contribuição para o orçamento municipal e perceber onde é gasto esse dinheiro.

Para isso, os munícipes devem inserir o seu rendimento mensal bruto e o consumo de água (em média cada família gasta 187 litros de água por mês). Estes elementos vão permitir calcular qual é a parte do IRS pago que é transferido para a autarquia e quais as tarifas de saneamento e de gestão de resíduos.

Depois, caso seja proprietário de algum imóvel, pode indicar quanto é que paga em Imposto Municipal de Imóveis (IMI). O mesmo acontece no caso das viaturas: se tiver alguma, pode indicar quanto pagou em Imposto Único de Circulação (IUC). É que estes dois impostos são receitas diretas das autarquias e, por isso, o que pagou nesses impostos vai diretamente para a Câmara de Lisboa (ou para outro município, caso não resida em Lisboa). 

O simulador calcula, então, quanto dos impostos e taxas que paga é receita da Câmara de Lisboa, por ano. Em média, segundo os cálculos do Negócios, cada munícipe vai pagar 545 euros à autarquia em impostos e taxas em 2020. 

Os valores do simulador são indicativos e têm como base uma família de dois contribuintes e um dependente. O simulador não inclui contribuições como o Imposto Municipal sobre Transmissões (IMT), que é receita municipal e que é devido na venda de imóveis, ou outras. 

Simulador mostra para onde vai o dinheiro

Depois de serem feitas as contas da contribuição, o simulador da Câmara de Lisboa mostra onde é que é gasto o dinheiro, perante as opções políticas do município liderado pelo socialista Fernando Medina. Assim, perto de metade do bolo que cada munícipe paga à autarquia é direcionado para o 'Eixo A - Melhorar a Qualidade de Vida e o Ambiente', um pilar onde a Câmara de Lisboa pretende investir cerca de 450 milhões de euros, em áreas como a habitação, mobilidade, espaço público e segurança.

No website dedicado ao orçamento para 2020, que deverá ser aprovado nesta terça-feira, 26 de Novembro, pela Assembleia Municipal, a Câmara apresenta os eixos fundamentais do orçamento, a receita e a despesa previstas, entre outros elementos.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI