Conjuntura Afinal, a economia cresceu sem ficar perto do défice externo
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Afinal, a economia cresceu sem ficar perto do défice externo

A revisão de contas do Instituto Nacional de Estatística trouxe uma luz nova sobre o estado de saúde da economia portuguesa. Mas ainda é cedo para declarar vitória: os sinais de alerta estão aí.
Afinal, a economia cresceu sem ficar perto do défice externo
Julien Warnand/EPA
Margarida Peixoto 27 de setembro de 2019 às 12:00

Afinal, a economia não se aproximou perigosamente do défice externo no ano passado. Ao contrário do que indicavam os números até agora, o excedente externo continuou robusto em 2018. Mas no arranque deste ano os sinais

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI