Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo vai criar bolsa com 18.660 casas para arrendamento acessível

A lista de imóveis inclui palácios devolutos, antigos conventos, moradias, terrenos, quintas, apartamentos e blocos de apartamentos, adianta o Público, esta quarta-feira.

Vai haver empréstimos sem juros do Estado para ajudar inquilinos e senhorios.
Sérgio Lemos
Negócios jng@negocios.pt 29 de Julho de 2020 às 09:43
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Governo vai criar uma bolsa com 18.660 imóveis devolutos para arrendamento acessível, avança o Público, esta quarta-feira. Uma medida que irá envolver um investimento de 2.300 milhões de euros.

De acordo com o jornal, a lista de imóveis a serem transformados em fogos para arrendamento a custo acessível inclui palácios devolutos, antigos conventos, moradias, terrenos, quintas, apartamentos e blocos de apartamentos. Dos 18.660 imóveis identificados, pelo menos 20% dos fogos podem ser cedidos às autarquias. Outros poderão ser entregues, por exemplo, a parcerias público-comunitárias. 

O Governo encarregará o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) de constituir a bolsa de imóveis, adianta o Público, referindo que o diploma continua a ser trabalhado, mas que poderá ser votado ainda esta semana pelo Conselho de Ministros. 





Ver comentários
Saber mais habitação Programa de Arrendamento Acessível
Outras Notícias