Emprego Vagas de emprego em Portugal alcançam valor mais elevado desde 2001

Vagas de emprego em Portugal alcançam valor mais elevado desde 2001

As vagas de emprego em Portugal atingiram 1% do total do emprego no terceiro trimestre, o que representa a taxa mais elevada de sempre desde que o Eurostat começou a divulgar os números. Apesar de a taxa estar em máximos, continua a ser uma das mais baixas na União Europeia.
Rita Atalaia 14 de dezembro de 2018 às 11:07
A taxa de vagas de emprego em Portugal alcançou o valor mais elevado de sempre, pelo menos desde que o Eurostat começou a divulgar os números há 17 anos. Apesar do crescimento, a taxa continua a ser uma das mais baixas e menos de metade daquela que se regista na Europa.

A percentagem de vagas de emprego em Portugal subiu para 1% no terceiro trimestre deste ano, segundo os dados divulgados esta sexta-feira pelo gabinete de estatística europeu. Esta é a taxa mais elevada para o país desde que há histórico, ou seja, desde o primeiro trimestre de 2001. 

A taxa é calculada tendo em consideração o número de vagas disponíveis e o emprego existente. 

Ainda assim, Portugal é o quarto país onde a taxa de vagas de emprego é mais baixa, sendo apenas superado pela Grécia (0,6%), Espanha (0,8%) e Bulgária (0,9%). No topo da tabela estão países como a República Checa (5,9%), Bélgica (3,6%) ou Alemanha (3%). Os dados não estão ajustados de sazonalidade. 
Estes dados dão uma imagem das ofertas de emprego nos Estados-membros numa altura em que a taxa de desemprego atinge mínimos em vários países. 

Na Zona Euro e na União Europeia, a taxa de vagas de emprego manteve-se nos 2,1% e nos 2,2%, respectivamente, valores que também representam máximos históricos na série do Eurostat. É o terceiro trimestre consecutivo que não sofrem alterações. 

Em termos de sectores, o Eurostat divide em dois: indústria e construção, e serviços. A média europeia mostra que, em percentagem, existem mais ofertas de emprego nos serviços do que na indústria e construção. Em Portugal essa diferença também é expressiva: a taxa é de 0,9% para a indústria e construção, mas de 1,5% para os serviços.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI