Justiça Ministério Público investiga autarca Ricardo Rodrigues

Ministério Público investiga autarca Ricardo Rodrigues

Presidente da Câmara de Vila Franca do Campo, na ilha de São Miguel, Açores, concessionou obra a associação do irmão. PGR abriu inquérito.
Ministério Público investiga autarca Ricardo Rodrigues
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 20 de junho de 2018 às 17:59
A Procuradoria-Geral da República (PGR) está a investigar Ricardo Rodrigues, presidente da Câmara de Vila Franca do Campo e antigo vice-presidente do grupo parlamentar do PS. Em causa está a entrega da concessão de um espaço de restauração, uma obra camarária avaliada em 90 mil euros, a uma associação do irmão do socialista, Luís Rodrigues, e do marido da vereadora socialista Nélia Guimarães.

À Sábado, fonte oficial da PGR confirmou que uma participação do PSD/Açores "deu origem a um inquérito que se encontra em investigação e está sujeito a segredo de justiça". 

A participação ao Ministério Público foi feita pelos vereadores do PSD na câmara municipal de Vila Franca do Campo e pela comissão política concelhia do partido. Tal como a SÁBADO noticiou, o PSD/Açores já tinha intenção desde o início de Junho de avançar com uma queixa contra esta concessão adjudicada pelo executivo socialista em Vila Franca do Campo, liderado por Ricardo Rodrigues.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI